RPGArautos entrevista Erik Mona

Em uma entrevista curta (você precisa se cadastrar no site para ler na íntegra), Erick Mona, editor-chefe da Paizo, revelou algumas informações interessantes.

RPGArautos: Como funcionam as Adventure Paths? São relacionadas a Jogo Organizado, como uma D&D Campaign?

Erik: Vai ser um pouco dos dois. Os jogadores podem pedir as aventuras (que custarão 4 dólares cada, mas podem ser jogadas quantas vezes quiserem) e o reporte será online. Cada jogador poderá pertencer a uma facção e cada facção terá um sub-plot para executar durante o jogo. Se ele conseguir cumprir este objetivo o GM reportará o sucesso ou não da missão e isso poderá gerar pontos chamados Faction Prestiges, que retornam na forma de pontos que podem ser gastos na aquisição de itens ou grana para o personagem.

Sei, sei. Tenho que admitir que meu interesse aqui é minímo. Acho muito legal a idéia desses jogos organizados como Living Forgotten e Pathfinder Society, mas não é o tipo de jogo que procuro.

RPGArautos: Há alguma editora brasileira que demonstrou interesse na publicação de Pathfinder no Brasil?

Erik: Nós já fomos contatados sim. Mas não há nada acertado ainda.

Quem teriam sido os contatos? Eu tenho medo de que alguma empresa oportunista acabe abocanhando o contrato com a Paizo e eliminando as chances da linha Pathfinder de se tornar forte no país. Atualmente, eu só confio na Jambô Editora como possuidora do profissionalismo necessário para a empreitada.

Nume Finório

Você sabe quem eu sou.

Você pode gostar...

4 Resultados

  1. valberto disse:

    Eu me preocuparia se o telles pegasse a linha. ele a afundaria de vez.

  2. Nume Finório disse:

    Nem só o Telles e a sua mão sexual. Também temo que a Devir compre a linha e a mantenha no vácuo como fez com o Arcana Evoluída, ou que outra editora menor pegue o contrato e lance o livro básico e depois um livro de vez em nunca…

  3. Veio disse:

    Nume Finório,
    também compartilho dos mesmos temores que você. Principalmente em relação a Devir, que tem histórico de comprar licenças de outros sistemas e não publicá-los (quem se lembra de GURPS levanta a mão!).

  4. valberto disse:

    o/

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: