A Posição da Devir em Relação à 4E

Hoje o Douglas “D3” Guimarães postou no tópico Casa de Vidro o posicionamento da Devir em relação ao lançamento em português do Dungeons & Dragons 4ª Edição. Já adianto: sim, eles pretendem lançar a 4E (claro, não são loucos). Parece que a editora resolveu adaptar parte do seu cronograma de lançamentos e vai deixar de lançar alguns livros que pretendia soltar.

(…) como disse a Oráculo em Matrix II – “Vamos tirar o óbvio do caminho”.
DUNGEONS & DRAGONS 4ª EDIÇÃO
A Devir Livraria adquiriu a licença de Dungeons & Dragons 4ª Edição e publicará os livros básicos, suplementos e cenários, inclusive os títulos anteriores que “apresentam” as mudanças no sistema (Classes/Races, World/Monsters). Um cronograma de lançamentos será divulgado em dezembro (após o lançamento em inglês de Classes and Races).
Contudo, posso adiantar que um lançamento simultâneo é improvável, uma vez que a Wizards não disponibilizará o texto final da 4ª edição com antecedência para nenhuma editora internacional, somente o sistema parcial para desenvolvedores de material. Obviamente, a OGL e o SRD continuarão a existir, mas os detalhes da licença aberta e das regras disponíveis competem à Wizards.
Não temos qualquer informação confirmada sobre as traduções, adaptações e acesso internacional em outros idiomas ao material da D&D Insider. Essas informações serão liberadas pela Wizards em breve (mas não há uma previsão).
DUNGEONS & DRAGONS EDIÇÃO 3.5
Até o lançamento de D&D4, a Devir Livraria continuará publicando material da edição anterior, limitando-se contudo aos livros mais “úteis” para os sistema básico de regras.
Um cronograma trimestral aproximado de publicação será divulgado no final dessa semana. De imediato, posso confirmar a publicação do Draconomicon para setembro/2007 e do Livro Completo do Arcano logo em seguida.
Devido ao lançamento vindouro da 4ª edição, a tradução de algumas linhas de suplementos estão definitivamente descartadas. Elas foram descritas em detalhes na página 4 da Casa de Vidro. Àqueles suplementos podem se somar os “Compêndios” de itens mágicos e magias, o cenário Eberron 3.5 e diversos suplementos genéricos, como Planar Handbook e Unearthed Arcana (não confundir com Arcana Evoluída, do Monte Cook).
FORGOTTEN REALMS 3.5
Forgotten será o primeiro cenário a sofrer a adaptação para a nova edição. Entretanto, uma parcela significativa do material dos romances e suplementos que alteraram o cenário desde a sua publicação serão compilados em setembro no livro “Grand History of the Realms”. Portanto, este título estará na lista de futuras publicações da Devir.
(…)
Gostaria também de pedir, por favor, que não solicitem previsões que não estão disponíveis de imediato. O cronograma da 4ª Edição somente será definido em DEZEMBRO. A data de lançamento de O Chamado de Cthullu também será determinada em DEZEMBRO. Essas são todas as informações que tenho sobre esses dois assuntos.
Douglas 3
Que NUNCA será D4, não importa a edição.

Para quem está se perguntando quais as linhas de suplementos que foram descartadas, eu cito das palavras do próprio post do Douglas:

(…)
Todos os livros da linha adulta, ou de temática adulta, não serão lançados em português.
Entre eles, Book of Vile Darkness, Book of Exalted Deeds, Fiend Folio, os dois Codex, Lords of Darkness e outros similares.
Também não serão lançados livros de ambiente, como Frostburn, Stormwrack, Ghostwalk e similares.
Na lista dos exclusos entram os livros de raça que ampliam o sistema, como Races of Destiny, Races of Stone e seus primos.
Ainda, os livros que modificam o sistema ou contém regras auto-contidas, como Weapons of Legacy, Magic of Incarnum e seus irmãos.
Esses livros, definitivamente, NÃO SERÃO traduzidos.
O Livro do Jogador II se encontra em fase de tradução nas mãos competentes de Bruno Cobbi Silva, responsável pela linha Ravenloft e os livros de classe 3.0. Ele também será responsável pelo Livro do Mestre II.
Esses livros não serão lançados em 2007. Em janeiro de 2008, eles entram em fase de produção (o chamado prelo), portanto não pretendo aumentar sua ansiedade.
Como disse o Duncan Salazar, Raças de Faerûn depende do Espécies Selvagens. Em termos de regras simples não depende, mas eu tenho obrigações de publicação. Perguntas sobre o andamento da tradução do RdF podem (mas não DEVEM) ser encaminhadas a ele, que é membro do fórum e participa desse tópico.
Douglas 3

—————-
Ouvindo: Weird Al – Angry White Boy Polka
via FoxyTunes

Você pode gostar...

6 Resultados

  1. Tek disse:

    É, vamos ver se essa edição presta…

  2. Thiago Piardi disse:

    É realmente uma pena que a quarta edição continue em mãos tão incompetentes.
    Eu particularmente terei os livros em inglês. Quem não sabe ingles, vai ter que se conformar com um jogo incompleto, caro e cheio de erros de tradução.

  3. Vamos ver né, eles já estão atrasados com o Arcana Evoluida, imagina com as novas promessas?

  4. Bruno Mares disse:

    A Devir há muito tempo vem prometendo vários e vários livros de D&D, mas até hoje não vi nada do que foi prometido. Eu gostaria só que ao menos na 4ª edição, façam um trabalho bem feito, sem enrolar os jogadores, que antes de tudo para eles são consumidores. Gostaria que não demorassem a lançar os livros e que os fizessem assim que possível, e que dessem continuidade ao trabalho seriamente, diferentemente do que fizeram com a edição 3.5

  5. Bruno Mares disse:

    Também faço minhas as palavras do Thiago: “É realmente uma pena que a quarta edição continue em mãos tão incompetentes.”
    Espero que eles me provem o contrário e façam um bom trabalho…

  6. Jean disse:

    Por que não passam a licença à outra editora, já que estão pouco se fudendo para o D&D??! Bando de incompetentes!
    Cadê a tradução do restante das aventuras??! O jogador de Faerun?!! Forgotten Realms foi abandonado!! Eberron que é excelente nem vai ter o básico traduzido!! Eu tenho dó de quem joga Gurps…

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: