Gancho de Aventura – O Halfling e os Kobolds

Gancho de Aventura – O Halfling e os Kobolds

“Um pouco a frente na estrada, os aventureiros avistam uma criança. Ela veste roupas esfarrapadas e está com os pés descalços. Um olhar mais atento revela que o infante é na verdade um halfling, de cabelos loiros e pele clara. Ao notar a presença dos personagens, o halfling começa a gritar por ajuda, enquanto olha assustado para trás.”

Um pedido de ajuda

Durante as suas andanças, os personagens se deparam com o halfling Adrel Durgas que pede que o levem até o seu lar, o vilarejo da Torre Escarpada. Adrel revela que é o único sobrevivente de um grupo de aventureiros e que os kobolds da tribo da Rapina, os mesmos que tiraram a vida dos seus companheiros, estão no seu encalço.

Ele está aterrorizado e disposto a oferecer uma lápis lazúli como pagamento adiantado para o grupo. O fato de a pedra preciosa pertencia anteriormente aos seu algozes é uma informação que o halfling irá se esquecer de mencionar.

O caminho mais rápido até o vilarejo demora uma semana e segue por uma estrada pouco movimentada. Entretanto, enquanto estiverem na companhia de Adrel ou com a posse da joia, o grupo será atacado incessantemente pelos kobolds, que iram até as últimas consequências para recuperar o seu tesouro e punir o último dos profanadores do seu lar.

Gancho Alternativo

Os aventureiros encontram o halfling Adrel Durgas sendo atacado pelos kobolds. Vendo neles a sua única salvação, o halfling corre desesperadamente ao seu encontro em busca de ajuda. Os kobolds tratam o grupo como aliado ao ladino e também os atacam.

Recompensa

O grupo ganha a lápis lazúli de Adrel Durgas por aceitar a missão e receberá um adicional de 100 peças de ouro caso o escoltem em segurança até a Torre Escarpada. Além disso, o halfling pode fornecer aos aventureiros um mapa detalhado do território dos kobolds, mas se recusará a acompanhá-los em uma viagem até lá.

Complemento

Adrel Durgas, halfling, ladino

Um halfling conhecido tanto por seus negócios ilegais como pelo hábito de envolver os seus “amigos” em problemas. Ele é nativo do vilarejo da Torre Escarpada e recentemente se juntou a outros aventureiros para procurar o tesouro do dragão azul Azigard. Segundo os boatos, o dragão teria sido morto décadas atrás e desde então o seu covil estaria sob a guarda de uma tribo de kobolds que o serviam.

Kobolds da Tribo da Rapina

A tribo da rapina é formada pelos kobolds que serviam o dragão azul Azigard e que mesmo após a destruição do seu senhor continuam a guardar o seu covil e tesouro. Os boatos da morte de Azigard são verdadeiros, entretanto o grupo responsável por tal façanha teve este mesmo destino. Esgotados pelo combate e distraídos pelo tesouro do dragão, os aventureiros foram emboscados e mortos pelos kobolds.

Desde então, a tribo da rapina ataca ferozmente qualquer um que invada os seus domínios e perseguem até a morte aqueles que roubem qualquer parte o tesouro do dragão.

O artigo acima foi originalmente publicado no blog Notícias da Terceira Terra, daí resolvi dar uma pequena revisada e trazer para o RPGista. A arte usada para o halfling Adrel Durgas é de autoria de Steve the Bunny e a dos kobolds é de propriedade de Caleb Cleveland © 2004.

Cavaleiro Morto

Mestre de RPG eclético, fã de fantasia medieval e RPGs Eletrônicos das antigas. Conhecido pelo hábito de fazer TPK em suas mesas de jogo.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: