Concurso Alphaversos 2018 #Vencedor! – Lua de Ferrugem

Revelado o vencedor do Concurso Alphaversos 2018 !!! Lua de Ferrugem nos leva a um  satélite lixão, onde robôs (e pessoas) de toda galáxia são despejados. Indesejados, defeituosos e/ou ensandecidos, […]

Revelado o vencedor do Concurso Alphaversos 2018 !!! Lua de Ferrugem nos leva a um  satélite lixão, onde robôs (e pessoas) de toda galáxia são despejados. Indesejados, defeituosos e/ou ensandecidos, seus habitantes devem lutar pela sobrevivência e por peças em meio ao mar de sucata. Ficção científica espacial e distópica de primeira linha!

O vencedor ganhou dois PDFs de 3D&T Alpha da loja da Jambô (Tormenta Alpha + Manual do Defensor), e uma paçoca. Obrigado a todos que nos acompanharam até aqui, espero que tenham curtido “o torneio”! Bora ler o minicenário campeão e jogar 3D&T!


Autor: Thales “The Ga” Barreto (Rio de Janeiro – RJ). Temas: construtos, sobrevivência, distopia.

Resumo: No futuro distante, em um lixão lunar, robôs defeituosos tentam sobreviver usando a sucata despejada de tempos em tempos. Nesse lugar sem esperança, muitos farão qualquer coisa pela próxima peça. Sendo um lugar conveniente para se livrar de todo tipo de “lixo”, pessoas inconvenientes também acabam despejadas aqui. Os mais esperançosos buscam maneiras de escapar, mas a maioria tenta apenas sobreviver mais um dia.


Lua de Ferrugem

Décadas atrás, o satélite natural inabitado Uccid foi escolhido como um dos inúmeros lixões da Confederação Galáctica. Um lugar conveniente para tirar a sujeira de vista e não precisar mais pensar nela. A lua foi completamente coberta de sucata e detritos, e com o tempo virou também um depósito de indesejáveis.

Robôs defeituosos, ou apenas abaixo dos impossíveis padrões de qualidade da elite da galáxia são jogados fora ainda ativos. Danificados na queda, e incapazes de cumprir a missão para qual foram criados, muitos enlouquecem, gerando impulsos destrutivos e um profundo rancor por qualquer criatura viva. Os mais sãos se agruparam por proteção mútua, e criaram um arremedo de sociedade. Dezenas de planetas jogam seu lixo em Uccid, então robôs de todo modelo e visual podem ser encontrados, das máquinas mais mundanas aos designs mais insólitos.

Criaturas de muitas espécies também acabam exiladas, incluindo humanos. Miseráveis, criminosos, dissidentes políticos, mutantes. As origens são diversas. Muitos tentam escapar do inferno que é a lua, mas segundo alguns, é melhor nem voltar…

O que reina é a lei do mais forte, com déspotas metálicos dominando verdadeiros feudos e tentando expandi-los em guerras sangrentas. Seus domínios são cidadelas de aço e concreto, quase todas hostis a criaturas orgânicas. Mas há algumas comunidades que aceitam gente de todo tipo, e tentam garantir sua sobrevivência no ambiente hostil. Heróis se erguem em nome dos desfavorecidos, mas é uma luta difícil.

A principal atividade é a mineração de componentes úteis das montanhas de sucata, essencial para a manutenção de seus habitantes. A segunda maior é o canibalismo. Robôs destroem uns aos outros e roubam suas peças, ficando cada vez mais disformes. Isso é considerado crime em alguns assentamentos, mas é ativamente encorajado pelos robôs tiranos.

Monte da Chegada

Ponto mais alto de Uccid, é o principal local de despejo de lixo e sucata. É tão alto que escapa da atmosfera da lua, e ninguém, orgânico ou mecânico, alcançou seu cume.

É o coração do mundo, de onde saem a maior parte das peças recuperadas. Incrivelmente instável, deslizamentos e verdadeiras avalanches são comuns, devido ao labirinto de túneis que o perfura. Vários assentamentos o cercam, e escaramuças entre eles são frequentes. Todo tipo de oportunista e bandido preda os recém-chegados por suas peças. É talvez o lugar mais perigoso do mundo, mas onde se tem mais a ganhar.

Coliseu de Aço

No centro de Grenar, uma das maiores cidade de Uccid, à sombra do Monte da Chegada, está a maior fonte de entretenimento da lua: o Coliseu de Aço. Aqui as máquinas de guerra dão vazão à sua programação destrutiva, fazendo girar a economia da cidade. Qualquer um pode participar, e o Coliseu não se responsabiliza pelas consequências. É incrivelmente perigoso, mas compensa para os vitoriosos: qualquer dano ao vencedor será reparado após a luta, e um campeão passa a gozar de diversos privilégios na cidade.

Porcas e Parafusos

Esse bazar é um dos mais coloridos e vívidos lugares da lua. Aqui se pode pechinchar pelas melhores peças e confortos encontrados pelos catadores. O comércio pode ser por escambo, mas também se usa um modelo específico de parafuso como moeda. Por si só ele é quase sem valor, mas não há como reproduzi-lo em Uccid, o que torna a falsificação impossível. O mercado tem problemas constantes com ladrões, e está sempre contratando pessoal para a segurança. Conta-se que certos visitantes desaparecem durante a noite, sendo desmontados para alimentar o comércio.

Vila do Abismo

Verdadeiro milagre de tecnologia e tenacidade, a Vila do Abismo é a maior comunidade de seres orgânicos em Uccid. Situada numa cratera profunda, que ultrapassa a cobertura de lixo da superfície e alcança o solo abaixo, é possível plantar e criar animais. Suas máquinas são responsáveis pela extração de água subterrânea e terraformação parcial do satélite, que gerou a atmosfera oxigenada e respirável, também responsável pela corrosão de inúmeras peças metálicas. Sofre ataques constantes de máquinas rancorosas com seu abandono.

NPCs importantes

Kezik Coração de Ouro, barão do tráfico de peças. Se precisar de um conserto, mesmo se não puder pagar, pode pedir a ele. Mas os favores que ele cobra em troca podem ser caros demais.

Grande Azul, o general. Fundador e herói da cidade livre de Concha, tem fama de ser invencível, mas seus sistemas estão falhando. Busca de um herdeiro (ou grupo) digno para seu posto.

Senhor Alvura, mestre de picadeiro. Dono e apresentador do Coliseu de Aço, é talvez a pessoa mais rica de Uccid. Sempre em seu impecável terno branco, esse androide é um perfeito cavalheiro, mas esconde uma sede de sangue insaciável. A coisa que mais abomina é trapaça, e alguém que seja pego jogando sujo será feito de exemplo.

Inkrobots

Uccid abriga robôs de todos os tamanhos e formas.

Regras

Uccid-1 aceita várias pontuações. De campanhas sombrias de 5 pontos, onde o objetivo é sobreviver, a jogos heroicos de 12 pontos, onde mudar o destino do mundo pode ser mais que um sonho. Também comporta grupos com pontuações diferentes, pelas regras de Pontos de Destino (Manual do Defensor, pag. 6).

As Vantagens Únicas mais adequadas são as de ficção científica (Construtos em geral, Alien e Humano). Não há magia no cenário, mas há Implementos (Manual do Defensor, pag. 59). Poderes psíquicos e biológicos também podem existir, a critério do grupo. Se quiser usar Kits, os mais recomendados são os de Megadroide, no Manual do Aventureiro de Mega City.

Note que se um Construto estivesse em plenas condições, não seria descartado, então é importante focar nas Desvantagens, desde falhas de funcionamento a problemas de comportamento. Criaturas vivas são párias em suas terras natais, e tendem a ter suas próprias idiossincrasias.

Sugestão para personagens

? Um robô recém-chegado, ingênuo e inexperiente.

? Uma máquina de guerra em busca de significado.

? Um náufrago desesperado tentando voltar para casa.

Ganchos de aventuras

? Uma nave de carga caiu em um ponto distante de Uccid, se tornando a maior chance de fuga na história do lixão. Milhares começam uma corrida para alcançá-la.

? Um campeão do Coliseu de Aço quer formar uma nova equipe, e está recrutando lutadores. As recompensas são generosas, mas ele tem fama de ser o único a sair vivo de seus combates…

? Um monstruoso mutante chegou na última remessa de lixo, e está desafiando até os exércitos dos regentes com sua Regeneração. Talvez haja pistas para derrotá-lo no lixo que veio com ele, mas está bem no alto do Monte da Chegada. É preciso conquistar a montanha, ou a fera destruirá cidades inteiras.

Antagonistas

Robô quebrado

F0-1 H0-1 R0-1 A1 PdF0-1.

Vantagens e Desvantagens: Mecha; uma Perícia ou Implemento ligado a sua função anterior, Insano (Compulsivo: repetir suas antigas tarefas).

Máquina de Guerra

F1-3 H 1-3 R2-3 A0-2 PdF0-3.

Vantagens e Desvantagens: Mecha; um Ataque Especial ou Implemento de ataque; Insano (Homicida).

Gladiador da Arena

F3-5 H1-4 R3-5 A2-4 PdF0-5.

Vantagens e Desvantagens: Androide; Ataque Especial (F ou PdF), Boa Fama, um Implemento de ataque; Código de Honra (Combate).

Para inspirar

Mangás: Battle Angel Alita.

Jogos: Nier Automata, série Megaman Zero.


Avaliação

O grande vencedor do Concurso, Lua de Ferrugem é no mínimo inusitado. A ideia é de um cenário com elementos pós-apocalípticos e talvez cyberpunk, inserido num contexto maior de ópera espacial. A lua de Uccid é um lugar que deu MUITO errado, marginalizado, onde seus habitantes (em sua maioria robôs) lutam para sobreviver todos os dias, num ambiente hostil e canibal! Os três temas escolhidos (distopia, construtos e sobrevivência) estão muito bem integrados, e a nota máxima no quesito “Presença de Temas” é mais do que merecida.

Quanto às regras, o autor parece as conhecer bem, e as usa em benefício do cenário de forma direta e simples. É um minicenário na melhor expressão do termo, auto-contido e com muitas possibilidades dentro dele; além de facilmente inserido em qualquer cenário maior. Alguns jurados sentiram falta de uma linha narrativa mais clara para uma campanha, mas todos concordam que o material descrito aqui funciona bem e tem um potencial enorme. Dentro da proposta do concurso, Lua de Ferrugem foi executado de forma quase impecável. Parabéns pelo título de campeão!

? Presença dos Temas: 10,0  É impressionante como cada um dos temas, a sua maneira, é o coração do conceito e todos estão muito bem entrelaçados.” – Lancaster. Daria nota 11 se fosse permitido.– BURP.

? Uso das Regras: 9,75 – “Percebe-se bastante afinidade com as regras.– Oriebir. Ele maneja bem os recursos oferecidos (…) e os dobra em função do conceito (como notar que construtos deveriam ser pensados em função dos defeitos)– Lancaster.

? Aspectos Gerais: 8,75 Gostei muito (…) é interessante como ele pode ser inserido em qualquer cenário do gênero já existente e ainda funcionar tranquilamente.” – Armageddon.

# MÉDIA FINAL: 9,5 (1º colocado) #

A avaliação completa de “Lua de Ferrugem”, com comentários e sugestões de todos os jurados, encontra-se na página 2.


O texto do minicenário passou por uma revisão rasteira e padronização no formato para serem publicados no blog. Você pode ler o texto como foi submetido e avaliado neste link.

A imagem usada no banner deste artigo pertence a Jambô Editora (da aventura Belonave Supernova, do cenário Brigada Ligeira Estelar). A imagem dos robôs do miolo foi obtida na Wiki Commons, e são criações do artista Jonathan Barker. Ele tem uma série com muitos desenhos de robôs além dos usados neste artigo, vale a pena conferir.

Pages: 1 2

About Edu Guimarães

Mestra RPG desde os 10 anos e nunca mais parou. É nerd, biólogo, Leal e Bom.