Aventura: O Caminho ao Altar de Flor de Lótus

O Caminho ao Altar de Flor de Lótus é uma aventura para 3D&T passada no cenário de Tenra Bansho Zero, RPG japonês traduzido para o inglês pela Kotodama Heavy Industries, e adaptado por mim para o 3D&T em uma série de artigos. Ela foi escrita por Albert Hwang, que autorizou que eu a traduzisse e fizesse esta adaptação para ajudar a divulgar o cenário por aqui. Acho ela bacana como uma aventura introdutória, pois inclui a maioria dos elementos fundamentais do cenário: a guerra e as transformações que traz para as pessoas, o drama de ter que escolher entre o dever e a individualidade, e, é claro, ninjas ciborgues voadores praticantes de artes marciais.
A aventura é estruturada em cinco “atos,” mais um ato de prólogo, cada um subdividido em uma série de cenas. Será necessário, no entanto, um pouco mais de trabalho dos mestres do que apenas jogá-la como está – o autor preferiu não fazê-la como uma aventura tradicional, em que há simplesmente uma seqüência de cenas a serem seguidas em ordem cronológica; ao invés disso, há uma estrutura fundamental do enredo, e cada um deles possui diversas dicas e sugestões de como o mestre pode resolver cada conflito.
A aventura vem com seis personagens prontos para os jogadores, cinco deles com 12 pontos e um com 7 (mas que compensa a sua pontuação menor usando Pontos de Destino), mas é claro que não há problema você deixá-los criarem os seus próprios. Apenas as cenas sugeridas Ato Zero e o primeiro ato envolvem propriamente estes personagens, de forma que você pode querer alterá-los se este for o caso.
Além da aventura e dos personagens, incluí também uma sessão de regras extras inspiradas no sistema original de Tenra. Enquanto certamente não quero substituir este sistema (que é muito legal e recomendo que todos conheçam), ele ajuda a trazer um pouco do espírito dele para o 3D&T. Não há propriamente nenhuma alteração na forma como o jogo funciona; apenas há diversas regras que podem ser adicionadas a ele, para mestres que queiram valorizar a interpretação e a criação do clima próprio de Tenra na sua mesa. Elas não são realmente necessárias para jogar, embora possam ser divertidas de experimentar. Também incluí algumas sugestões para quem quiser adaptar o enredo da aventura nos cenários oficiais do 3D&T – Tormenta, Brigada Ligeira Estelar e Mega City.
Recomendo, é claro, que você leia os artigos de adaptação de Tenra para 3D&T que eu escrevi antes de ler a aventura. Além do artigo principal, sugiro que você leia os textos sobre as kugutsu, gemas espirituais, anelidistas e o samurai de Tenra, já que eles aparecem durante a aventura.
E, é claro, recomendo muito aos interessados que considerem adquirir o jogo. É um material muito legal mesmo, com um cenário envolvente e único e um sistema sem comparações. Ele já está disponível para venda em PDF e pré-venda das versões físicas.
Enfim, sem mais enrolações, o PDF com a aventura. Clique aqui para baixá-lo.

Você pode gostar...

4 Resultados

  1. Sascha disse:

    você podia publicar um artigo dando instruções para os brasileiros que não têm experiencia sobre como e onde conseguir esse magnifico jogo

  2. Nathan disse:

    Gostei bastante da aventura,e do cenário. Apenas me confundi bastante com os nomes dos personagens.
    Eu acho que vai ser dificil mais eu vou tentar mestrar.

  3. giulia disse:

    eu tambem gostei muito e eu estou lendo um livro sobre o rpg chamado sangue de lobo e bom demais eu adorei 🙂

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: