To Aru Majutsu no Index – Magia e super-poderes no 3D&T

To Aru Majutsu no Index (“Um certo índice de magias“) é um animê baseado em uma série de Light Novels, centrada em conflitos envolvendo ESPers (como os japoneses chamam indivíduos com super-poderes) e magos. Aproveitando a chance não apenas de divulgar um animê com um ótimo cenário para campanhas como também trabalhar poderes para o 3D&T, confiram aqui uma adaptação de To Aru Majutsu no Index!!

A História:

To Aru Majutsu no Index fala sobre Touma Kamijou, um residente da Cidade Acadêmica, um complexo de escolas, faculdades e laboratórios que atraiu muitos dormitórios e comerciantes, tornando-se uma cidade por si só. Muitos locais dessa cidade são dedicados ao treino de ESPers (Extra-Sensorial Powers user, “usuário de poderes extra-sensoriais“), que são classificados em níveis de 0 a 5. Touma é de nível 0, tendo o poder de anular qualquer efeito sobrenatural (seja ele mágico ou originado por um ESPer) através de sua mão direita, um poder tão potente que anula até mesmo sua própria sorte.

Essa capacidade, o Imagine Breaker, sempre foi subestimada, até que Touma encontrou uma estranha menina vestida como uma freira, que se apresentou como Index, e disse ter decorado 103.000 livros de magia e ser uma serva da Igreja Anglicana. No início, Touma desconfiou e disse não acreditar em magia, porém depois de se encontrar com outros magos agentes da Igreja Anglicana protetores de Index, acabou se envolvendo com seus assuntos e tornando-se também um dos guarda-costas da garota. Essa tarefa provou-se nada fácil, afinal Index não tem a mínima noção, quer a atenção de Touma em vários momentos, e é capaz de comer uma geladeira inteira e ainda pedir mais.

Com uma boa dose de comédia e de ecchi, To Aru Majutsu no Index possui uma história empolgante envolvendo os conflitos não apenas de magos atrás de Index, desavença entre organizações que lidam com magia ou problemas entre os ESPers, mas também de magia contra tecnologia, com um tentando controlar o outro. Um excelente animê, que vale muito a pena ser conferido, por sua ótima história com várias intrigas e cenas de ação.

Vamos ao que interessa – ESPers no 3D&T!!

Em To Aru Majutsu no Index, ESPers são treinados em diversas escolas e laboratórios, como ocorre na Cidade Acadêmica. Qualquer um pode se tornar ESPer, bastanto passar pelo treino ou experimento certo, desenvolvendo poderes próprios. Com isso, serão inclusos um kit e a volta da vantagem Super-Poder.

Super-Poder (1 a 5 pontos):

Você desenvolveu ou nasceu com uma capacidade especial, sobre-humana. Você pode conjurar uma magia pelo custo normal de PMs, mesmo não sendo um mago. Essa vantagem custa 1 ponto para cada 5 PMs exigidos para a magia; portanto, uma magia de até 5 PMs custa 1 ponto, 6 a 10 PMs 2 pontos, 11 a 15 PMs 3 pontos, 16 a 20 PMs 4 pontos e 21 a 25 Pms 5 pontos. Caso a magia exija PMs permanentes, cada PM exigido valerá como 10 PMs normais para calcular o custo final da vantagem, porém só poderá ser obtida com a permissão do mestre.

Novo Kit: ESPer

Exigências: qualquer vantagem que exija PMs (exceto Magia) ou PdF1 (qualquer tipo de energia); Restrição a Magia (veja abaixo).

Função: qualquer (veja abaixo).

ESPers são pessoas que, através de treinamento especial ou experimentos, conquistaram algum tipo de poder. Não se sabe que tipo de poder cada pessoa irá desenvolver, porém não são muito freqüentes encontros entre pessoas com poderes parecidos.

Apesar de suas capacidades, um ESPer não possui versatilidade. Uma vez despertado, seu poder pode até ficar mais forte com o tempo, porém será sempre o mesmo, obrigando os ESPers a descobrirem por si mesmos onde seu poder será útil.

Além disso, os ESPers desenvolvem uma rejeição à mística magia arcana. Seu poder passa a dificultar o uso de efeitos mágicos, fazendo com que o ESPer sofra diversos ferimentos quando apela para a magia.

Restrição a Magia (-1 ponto): ESPers possuem uma rejeição a magia. Quando um ESPer tenta usar qualquer magia, sofre uma quantidade de dano igual ao seu custo em PMs. Além disso, quaisquer vantagens que utilizem PMs adquiridas pelo ESPer deverão ter ligação com seu poder (ou seja, precisam de aprovação do mestre).

Aprimorar Poderes: ESPers estão continuamente treinando para desenvolver seu poder. Você recebe duas magias escolhidas pelo mestre e pode usá-las mesmo sem vantagens mágicas, porém elas devem possuir alguma ligação com o poder escolhido (por exemplo, se você consegue disparar raios, receberá duas magias elétricas). Esse poder pode ser adquirido diversas vezes, cada vez adquirindo magias diferentes.

ESPer Avançado: uma vez por combate, você pode usar uma vantagem que exija PMs (incluindo o poder Aprimorar Poderes) por metade do custo.

Resistência a Energia: caso seu poder seja baseado em algum tipo de energia, você recebe Armadura Extra contra o tipo escolhido.

 

Regra Opcional: Cooldown

Os magos são versáteis, podendo aprender os mais diversos efeitos arcanos, porém estão limitados pelo mana, uma energia mágica que se esgota conforme o uso, sendo recuperada com descanso. Enquanto isso, os ESPers perdem em versatilidade, possuindo apenas um poder, porém podendo usa-lo a vontade.

Para ilustrar essa diferença em jogo, considere que apenas magias consomem PMs, enquanto vantagens não (poderes de kit ficam a critério do mestre). Ao invés disso, eles passam por cooldown – após usar uma vantagem ou poder que consuma PMs, você não poderá usar novamente por um número de turnos igual aos PMs que seriam gastos. Por exemplo, usando uma vantagem que consumiria 2 PMs, ao invés disso um ESPer não poderá usá-la novamente por 2 turnos. Qualquer efeito que diminua o custo em PMs também diminui o cooldown.

 

A Magia:

Nesse cenário, devido a Inquisição, praticamente toda a magia foi parar nas mãos de instituições religiosas ou ordens secretas. Por isso, personagens

Index e Touma - com certeza, as coisas seriam mais fáceis sem ela bagunçando por perto...

 magos deveriam possuir também Patrono. As duas maiores instituições que lidam com magia são a Igreja Anglicana e a Igreja Católica Apostólica Romana. Além dessas, são citados os Amakusa (critãos japoneses) e os Onmiyouji (ligados a tradições shintou).

Os magos ocidentais possuem a tradição de dar um segundo nome quando alguém é iniciado à magia. Normalmente, esse nome consiste em uma palavra em latim ou outro idioma antigo seguido de três números, e possui algum significado ligado a alguma característica da pessoa ou ao motivo pelo qual ela estudou magia. O porquê dessa tradição foi perdido pelos séculos, mas atualmente os magos os dizem quando querem lutar seriamente, até a morte.

Magias de cura estão disponíveis para quaisquer personagens mesmo sem Clericato, porém são mais complicadas. Qualquer magia de cura exige 1d+1 turnos de concentração; qualquer dano ou distração fará com que a magia seja perdida, mas os PMs ñ serão gastos, exigindo que o processo seja retomado. Além disso, mesmo um leigo pode tentar usar magia com o auxílio de um mago. Um indivíduo sem vantagens mágicas pode gastar 1 PE para usar uma magia, porém ela deve ter sido explicada em detalhes para essa pessoa por um mago e custará o dobro de PMs necessários.

Para representar os magos, utilize o kit Mago do Manual do Aventureiro Alpha, porém com Mentor ou Patrono e Magia como exigências. Além disso, ao invés de Familiar Aprimorado, eles recebem o poder a seguir:

Objeto de Poder: você pode canalizar suas magias através de um objeto, facilitando seu uso. Uma vez por combate, você pode conjurar qualquer magia por metade dos PMs necessários. Caso adquira alguma outra vantagem que reduz o custo de suas magias (como Elementalista), você pagará metade do custo -1 PM, com um custo mínimo de 1 PM por efeito.

 

O Cenário:

Aventuras no mundo de To Aru Majutsu no Index normalmente envolvem intrigas entre as ordens religiosas para obter poder ou segredos, conflitos entre organizações religiosas e científicas ou problemas envolvendo ESPers que saem do controle.

Os jogadores devem ser ESPers treinados na Cidade Acadêmica ou magos.  No caso de usuários de magia, devido aos problemas ocorridos no passado que tornaram seu uso muito restrito, devem escolher uma ordem religiosa ou ocultista como Patrono. Seria interessante que o mestre permitisse ordens não citadas no animê, como os Rosa-Cruz e religiões não judaico-cristãs (a única não cristã citada até agora foi o Shintou), ou que os jogadores inventem sua própria. Magos independentes devem comprar Mentor para representar como obtiveram a magia sem estarem associados a organizações.

Quanto aos ESPers, a própria Cidade Acadêmica possui organizações para lidar com problemas relacionados a super-poderes, como os Anti-Skill, uma espécie de força policial para resposta imediata, e a Judgment, que cuida da parte investigativa.

Exemplos de aventuras são a Igreja Católica tentando tomar para si algum grimório ou aplicar um golpe em outra ordem ou mesmo instituição científica (essa Igreja ressente a perda de seu domínio geral, por isso faz de tudo para recuperá-lo e controlar novamente o conhecimento, muitas vezes através de métodos sobrenaturais) e ESPers que acabam prejudicando as pessoas em busca de mais poder.

 

Fichas:

Touma Kamijou:

O protagonista, conhecido por ser um azarado. Seu poder, Imagine Breaker, pode anular qualquer efeito sobrenatural, seja ele ESPer, mágico ou mesmo divino (segundo Index), bastando que ele toque com sua mão direita. Esse poder anula até mesmo sua própria sorte, fazendo com que sempre tropeçe por aí e acabe em situações constrangedoras, normalmente dizendo “Quanto azar!” em situações assim. Considerado um ESPer de nível 0 e sempre sendo um dos piores da turma, sua vida sempre foi monótona…

Até que ele encontrou uma garota vestida como uma freira em sua varanda. Se apresentando como Index Librorum Prohibitorum, o “Índice de Livros Proibidos”, ela disse ter decorado 103.000 grimórios e servir como um índice mesmo para a Igreja Anglicana. No início Touma duvidou, mas depois de confrontado com os magos responsáveis por vigiá-la, decidiu ajudar a protege-la (não que ele tivesse tido muita escolha de verdade…), se envolvendo de vez com o mundo dos magos.

Touma costuma a agir antes de pensar, e costuma a assumir riscos para salvar qualquer pessoa, não importa quem. Sempre convicto naquilo em que acredita, é muito difícil convence-lo do contrário quando ele está determinado. Costuma a dizer a frase “Eu quebrarei a sua ilusão!” antes de lutar com oponentes poderosos.

Há algum tipo de segredo sobre o Imagine Breaker (“Destruidor de Ilusões”) de Touma. Segundo alguns indivíduos, testes que detectam habilidades ESPer não funcionam com ele, e alguns acreditam que ele seja uma pessoa normal com uma capacidade diferente, e não um ESPer verdadeiro.

F2, H2, R2, A1, PdF0, 10 PVs, 10 PMs; Kit ESPer; Aliados (Index, Styl e Tsuchimikado), ESPer Avançado (K), Super-Poder (Dissipar Magia); Código dos Heróis, Maldição (Azar: uma vez por dia o mestre pode ignorar um sucesso de Touma), Protegida Indefesa (Index), Restrição a Magia (ESPer).

 

Index:

Index Librorum Prohibitorum, ou “Índice de Livros Proibidos”, é uma menina criada e treinada pela Igreja Anglicana. Por sua memória superior, ela decorou 103.000 livros de magia, transformando-se em um verdadeiro índice para a Igreja. Por causa disso, é sempre visada por magos e outras Igrejas em busca de poder arcano.

Como medida preventiva para não perder o controle de Index, diversos selos foram colocados sobre ela. Um deles, considerado cruel por seus guardiões, fazia com que um ritual para apagar sua memória fosse necessário todo ano, porém Touma quebrou esse selo, fazendo com que isso não fosse mais necessário. Outra medida foi nunca fornecer a ela um treinamento como maga verdadeira, fazendo com que ela apenas consiga interferir em magias de outras pessoas ou conjurar com o auxílio de outra.

Ao contrário do que sua aparência indica, Index não possui nada de santa ou fofinha; ela exige muita atenção, e quando vê algo que a desagrada (mesmo que não seja aquilo que ela está pensando), tem o costume de morder aquele que a está irritando. Além disso, é capaz de comer uma geladeira inteira e ainda reclamar de fome, e muitas vezes faz o que quer sem se importar com as conseqüencias e restrições usando sua figura religiosa como desculpa (“Esse indivíduo está sob proteção da Igreja!!”). Seu nome de maga é “Dedicatus545”.

F0, H2, R1, A0, PdF0, 5 PVs, 25 PMs; Arcano, Memória Expandida, Patrono (Igreja Anglicana), Poder Oculto (ativado apenas quando Index está Perto da Morte), Pontos de Magia Extras 2x; Compulsiva (comer), Restrição a Magia (Index consome o dobro de PMs necessários quando não está usando magia contra outro usuário de magia ou com ajuda de outra pessoa); Ciências Proibidas (especialização de Ciências).

Qualquer tentativa de ler a mente de Index gera um imediato efeito de Contra-Ataque Mental. Caso haja uma 2ª tentativa, é necessário um teste de R-2 para evitar sofrer 2d de dano que ignoram totalmente a FD do atacante. Além disso, Index possui acesso a praticamente qualquer magia existente, mesmo que não seja capaz de conjurar, e pode ensiná-la para qualquer pessoa.

 

Stiyl Magnus

Mago da Igreja Anglicana, estava incumbido de proteger Index e de executar o ritual que apagava suas memórias quando o selo ainda estava presente. Porém, após descobrir sobre esse selo e as mentiras que a Igreja contava sobre Index para seus protetores, concordou em deixa-la sob os cuidados de Touma.

Apesar de ser pavio-curto, possui um bom coração. Não se dá bem com Touma, apesar de aceitar trabalhar junto com ele quando necessário. É especialista em magia de fogo, e costuma a invocar o elemental Innocentius em combate. Seu nome de mago é “Fortis931”.

F0, H3, R2, A0, PdF0, 10 PVs, 20 PMs; Kit Mago; Elementalista (Fogo), Magia Elemental, Objeto de Poder (K), Patrono (Igreja Anglicana); Protegida Indefesa (Index); Ciências Proibidas.

Seu Objeto de Poder são cartas com runas inscritas. Innocentius, o elemental do fogo que está sob seu comando, é invocado através de Invocação do Elemental.

 

Mikoto Misaka

    Amiga de Touma, é uma ESPer de nível 5 treinada em um colégio feminino. Seus poderes são baseados em eletricidade, sendo que sua técnica mais conhecida, eletrificar uma moeda para que ganhe o potencial de perfuração de uma bala, é chamada de Railgun. Touma costuma a chama-la de Biribiri, a onomatopéia japonesa para choques.

    Mikoto foi clonada para um experimento envolvendo o mais poderoso ESPer do nível 5, conhecido apenas como Accelerator. Seus clones deveriam colocá-lo em situações de combate, como tentativa de elevá-lo a um suposto nível 6. Mikoto considerava o experimento cruel, e junto com Touma conseguiu um meio de pará-lo e salvar suas “irmãs” (como eram chamadas as clones). Essas “Irmãs” podem se comunicar entre si usando uma rede neural, apliacada a elas através de seus poderes elétricos.

    Apesar de ser vista como uma garota educada por muitas pessoas, na realidade Mikoto é explosiva, orgulhosa e insegura. Porém, possui um lado amigável e mesmo infantil. Demonstra possuir uma queda por Touma, muitas vezes colocando-o em situações constrangedoras por causa disso, ou entrando em atrito com Index. Enquanto isso, suas “Irmãs” são frias e aparentam não ter emoções, falando na terceira pessoa e em seguida adicionando uma narração, indicando o que querem dizer (“A Misaka acha que você está certo, concorda a Misaka”).

F1, H3, R3, A1, PdF3 (eletricidade), 15 PVs, 15 PMs; Kit ESPer; Armadura Extra (eletricidade – K), Ataque Especial Penetrante (Railgun – PdF), Aprimorar Poderes (Armadura Elétrica e Enxame de Trovões – K), ESPer Avançado (K); Restrição a Magia (ESPer).

Suas clones possuem exatamente a mesma ficha, porém com Ligação Natural umas as outras.

 

Accelerator

O mais poderoso ESPer de nível 5 (e conseqüentemente de toda a Cidade Acadêmica), é conhecido apenas como “Accelerator”, que é como foi nomeado seu poder. Suas capacidades são baseadas na inversão de vetores – ele pode mudar o vetor de qualquer coisa que se aproxime de seu corpo, refletindo ataques, aumente ou diminua sua própria velocidade, crie plasma e controle o vento, e mesmo coisas como voar. Sua capacidade de reflexão é tanta que ele consegue controlar a quantidade de radiação UV que recebe (resultando em palidez e cabelos brancos) e mesmo bloquear sons. Ele já citou que seu nome verdadeiro, que apenas ele deve conhecer, seria composto por um primeiro nome de três kanjis e um sobrenome de dois.

Chamando muito a atenção dos cientistas que monitoram a Cidade Acadêmica, decidiram realizar um experimento para elevá-lo a um suposto nível 6. Ele deveria entrar em combate com diversos clones de Mikoto Misaka, chamadas de “Irmãs”, que deveriam força-lo a usar seus poderes de diversas maneiras. Os combates eram até a morte, por isso Accelerator desenvolveu uma personalidade sádica, que gosta de brincar com seus alvos, e passou a ser temido por toda a Cidade Acadêmica.

Porém, Touma e Mikoto queriam acabar com o experimento das “Irmãs”, e encontraram uma forma de derrotar Accelerator – devido a seu grande poder, ele nunca se preocupou em aprender a lutar sem ele, sendo totalmente dependente de suas habilidades. Com sua derrota por um ESPer de nível 0, o experimento foi cancelado, e ele perdeu suas tendências sádicas, tornando-se apenas reservado e mau humorado. Seus encontros com as “Irmãs” fazem alguns pensar que ele na verdade não gosta de lutar, pois sempre tentava intimidar as clones e convence-las a desistirem de lutar.

Recentemente, encontrou-se com a “Irmã” que controlava a rede neural, a única que ele não deveria matar e a última a ser produzida, por isso chamada de Last Order. Após ajudar a salva-la de um cientista que a raptou e pretendia fazer com que ela ordenasse que as “Irmãs” restantes atacassem as pessoas, Accelerator acabou se tornando o protetor de Last Order, o que se mostrou um problema; por ter passado por um processo de incubação diferente das demais “Irmãs”, Last Order se parece e age como uma criança.

F1, H4, R3, A3, PdF0, 15 PVs, 25 PMs; Kit ESPer; Aceleração, Aprimorar Poderes (Ataque Mágico, Explosão, Força Mágica, Vôo – K), ESPer Avançado (K), Pontos de Magia Extras, Reflexão; Má Fama, Mau-Humorado (desvantagem vista na DS25), Protegida Indefesa (Last Order), Restrição a Magia (ESPer).

Para Last Order, utilize a mesma ficha de uma “Irmã”, porém com todas as suas características diminuídas em 2 pontos, por ela ser uma criança (resultando em F0, H1, R1, A0, PdF0).

About Tek

O Tek curte piratas, macacos, ninjas, zumbis, mafiosos e outras coisas maneiras. Ele gosta de referir a si mesmo na terceira pessoa, mas é um cara legal. Vota no Seu Madruga para presidente e Darth Vader para senador.