Matando Cthulhu

A comunidade de blogs de RPG já deve estar cansada de saber disso, mas eu sou fã de porradaria e comportamento insano. Já aconteceram muitas coisas bizarras nas campanhas que eu participei: já fiz personagem neófito combado em Vampiro e consegui um colar com as presas do Príncipe e também invadi uma instalação militar para disparar mísseis contra o prédio onde estava acontecendo uma daquelas reuniões de anciões nessa mesma campanha; Em Call of Cthulhu, minha maior ambição é matar essa safado do título do jogo jogando uma ogiva nuclear bem no meio das fuças dele.

Atualmente, estamos preparando uma campanha de Tormenta onde pilotos de Mecha da Terra vão parar em Arton e enchem os Lordes da Tormenta de porrada (qualquer semelhança com CthulhuTech é só porque não consegui adquirir o jogo original mesmo). Essa mentalidade “mais grosso que pescoço de baleia” é muito divertida! Então este post é especial para ensinar você a agir como um agente do caos na Terra.

Dica nº 1: Você é maluco, não burro

Foi loucura de Leônidas enfrentar trezentos mil persas com trezentos espartanos e dois mil gregos? Foi. Mas foi burrice? Não. Leônidas era maluco, mas não burro, ele tinha um plano e o colocou em prática. A idéia era retardar os persas até a Grécia organizar um exército, por isso ele foi para o desfiladeiro das Termópilas. O seu barril de testosterona ambulante deve ter cérebro para fazer coisas descerebradas.

Dica nº 2: Seja apelão

Se você vai ser um maluco, é melhor combar bastante para não ser um maluco que morre cedo demais. Foque em determinada área e aproveite para usar ela ao máximo. Ser bom em combate é sempre útil, mas usar perícias pode ser muito mais mortal do que parece. Especialmente perícias que envolvam fabricação de armadilhas e coisas que explodem outras coisas.

Dica nº 3: Faça coisas malucas

Então, o lorde maligno tiraniza a região de dentro do castelo inexpugnável e a única esperança do povo é um herói que os fará levantarem-se contra a tirania, certo? Ok, muita coisa para o nosso reservatório de testosterona, vamos tentar algo mais simples. Por que não homenagear V de Vingança e lembrar o 5 de novembro? Exploda o castelo. Não adianta você fazer um cara com um conceito 300 de Esparta e agir feito um ateniense amante de garotos a maior parte do tempo, né?

Dica nº 4: Você vai morrer cedo

Então não se importe muito com isso. O objetivo é se divertir fazendo coisas bizarras, aprenda a rir da morte como um verdadeiro macho.

Dica nº 5: Não estrague a diversão alheia

Antes de montar um personagem deste tipo, tenha certeza que os outros jogadores concordam com você, estragar a diversão alheia não é legal. E ter a ajuda dos amigos para fazer as suas coisas malucas é muito mais divertido, não?

Nume Finório

Você sabe quem eu sou.

Você pode gostar...

15 Resultados

  1. Tek disse:

    Por textos assim que eu tenho certeza que escolho bem as pessoas pra escrever aqui.

  2. Ratysu disse:

    ha ha ha
    e depois falam de mim!!
    Você escreveu absolutamente todo e tudo sobre o comportamento do:
    Ratysu, Alberto e Sapo xD
    A nossa frase favorita é “eu sou guerreiro, não tenho amor a vida, se tivesse, jogava de mago”

  3. Tek disse:

    “Não adianta você fazer um cara com um conceito 300 de Esparta e agir feito um ateniense amante de garotos a maior parte do tempo, né?”
    Melhor frase do texto.

  4. Heitor disse:

    Ao ler este texto, encontrei mais um adepto da minha filosofia de RPG…

  5. Adão Pinheiro disse:

    De quem que foi a idéia?? Han, han??
    Tô loco pra chegar a hora de enfrentar aquele lorde do conto da Companhia Rubra, enfiar a lança no rabo dele enquanto toca Ace of Spades no mini system medonho do Jairo hauehuehue
    Essa campanha vai bater recordes de risadas e pancadaria, não necessariamente nesta mesma ordem!

  6. Tsu disse:

    “fabricação de coisas que explodem outras coisas”
    “aprenda a rir da morte como um verdadeiro macho”.
    Ler isso deu vontade de jogar Cyberpunk

  7. Poxa ótimo post!
    To pensando em destruir o castelo de ravenloft em vez de entrar la dentro. Já perdemos 6 personagens na campanha para tentar matar esse vampiro, acho que vou botar TnT nas fundações do castelo dele haha
    Show, só espero que meu mestre não me mate por conta disso haha XD

  8. Tchelo disse:

    HUahauhauHAU
    É Strahd bem que merece a visita da tropa de demolição… Com certeza ele seria pego de surpresa.
    Mas agora, sem pólvora ou sem outros recursos apelões, o que fazer contra o lorde do castelo?
    Jogadores machos de verdade teriam a cara de pau de ir lá no castelo e chutar a porta, cuspindo no chão e falando “Fuck” 200 vezes (Assista Vampiros de John Carpenter).
    Mas não! ficam trancados na taverna lamentando os leveis drenados por fantasminhas! Macho que é macho nem sabe em que level está!
    rsrsrsrsr..to sacaneando vocês.

  9. rsemente disse:

    Bombas me fazem lembrar um personagem de batmam do futuro que carregava bombas no proprio corpo, e as explodia lá mesmo se fosse necessário! só que o cara era tão grosso e usava uma armadura tão grossa como ele que saia ainda vivo!

  10. Moreau do Bode disse:

    Depois desse artigo vou por em prática aquele personagem incendiário-maniaco-homicida-destruidor 😀

  11. Maíra disse:

    Bah, o Tchelo leu! Continuamos ferrados! hahah

  12. Thiago disse:

    Isso me lembra o meu primeiro jogo de Trevas, da Daemon.
    Numa ação desesperada do nosso grupo, dois magos com nível máximo em fogo e outro em terra, combatíamos demônios fodescos em Arkanum. Iríamos perder com certeza mas eis que, Terrax, o mago da terra, resolve “cavar” até o núcleo do planeta para causar um grande terremoto, usando TODOS os seus pontos de magia disponíveis para o efeito mágico. Resultado: o planeta foi pro espaço e eu e o outro mago de fogo tivemos de abrir um portal, antes da explosão, para o Inferno. Pois é, magos do fogo.
    Depois disso, Terrax ficou conhecido como o arauto do Deus da Destruição…de qualquer coisa que insista em se manter em pé!
    Até a Torre Eifel ele quase derrubou uma vez.

  13. WGdS disse:

    A quarta me lembrou o mote do Highlander… “who want’s to live forever?”… =)

  14. Euron disse:

    Cara, li seu Texto e vi q vc gosta do estilo CTHULHUTECH (eu também ehehehe…) vou te passar um link dum cara q ta traduzindo o livro.
    vou rezar pra esse cara terminar. faz tempo q acompanho o blogger dele. ó o link:
    http://avereal.blogspot.com/

  15. Renato Trimegisto disse:

    Jogo de Gnomo Ilusionista, vou me manter longe desse tópico pra evitar trolls =x

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: