Casa de Vidro

O Douglas “D3” Guimarães, responsável da Devir pelo Dungeons & Dragons, abriu um tópico nos fóruns do site RedeRPG chamado Casa de Vidro para servir de canal aberto com os jogadores de RPG.

O aviso que ele mandou para a lista de discussão da RedeRPG foi o seguinte:

Olá Lista,
Tomei a liberdade (modo de dizer, eu liguei pro Telles antes) de abrir um tópico no forum da REDE chamado Casa e Vidro.
Esse tópico será um canal entre o D3 – também chamado de Douglas Ricardo Guimarães por raras pessoas – e os usuários da REDE e de outros sites, fóruns e canais.
Vejam, eu detesto foruns: mesmo assim, me parece que muitas pessoas os preferem à listas de e-mails.
Não teve uma dúvida respondida pelo “fale conosco” do nosso site. Escreva no Fórum.
Não sabe se um livro será publicado ou quando? Pergunte no Fórum.
Vive afirmando que “greatsword” foi traduzido como “espadão”. Eu te desminto no Forum.
Odiou a tradução dos nomes de Forgotten? Eu explico porque no Forum.
Gostaria de pedir dois favores:
1) Membros da lista: DIVULGUEM esse canal. Eu não posso estar em todos os fóruns, listas de e-mail, blogs, flogs e afins da Internet. Também não tenho Orkut (nem vou ter) e não acho que seja o ambiente para se responder a dúvidas dos clientes.
2) Telles e moderadores: INDIQUEM o tópico adequado aos seus usuários e, se possível, fixem aquele tópico.
Vocês pediram, estou atendendo dentro dos limites que me estão disponíveis.
Eu sei que muitos me conhecem, e sei que muitos estão se lixando para quem eu sou. Os tópicos do forum serão respondidos, eu posso garantir. Eles NÃO serão respondidos em dois minutos após a postagem original, e isso também eu posso garantir.
Sejam críticos, sejam elogiosos, todos serão respondidos. Mesmo que leve tempo.
Douglas 3
PS.: Eu li a petição; eu li os fóruns da Wizards. E não vou responder a nenhum post no forum da Wizards. Refaçam a pergunta na Casa de Vidro.

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. Vamos ver agora se as coisas começam a funcionar como devem na Devir, já que é “A maior empresa de RPG do Brasil”

  2. Veritas disse:

    Li as 5 páginas que estão lá e gostei das respostas. Tinha outra idéia das propostas da DEVIR, mas agora entendo que era um problema de comunicação com um segmento do mercado deles que frequenta internet e fóruns de discussão.
    Não somos todos os seus consumidores mas somos parte dele. Eles estão olhado para nós.
    A melhor reposta que encontrei lá foi ele indicar que os romances de fantasia deles naõ são votlados para público de RPG mas para quem gosta de literatura mesmo. Merece conferir o tópico.
    Imponto importante a ser embrado, é que ele só responde uma vez por semana às dúvidas.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: