Diversão Offline São Paulo 2019 – O encontro que eu precisava!

No momento em que escrevo este texto, acabo de voltar do Diversão Offline São Paulo. O corpo está dolorido após 7 horas entulhado num ônibus de volta pro Rio. Mas […]

No momento em que escrevo este texto, acabo de voltar do Diversão Offline São Paulo. O corpo está dolorido após 7 horas entulhado num ônibus de volta pro Rio. Mas valeu a pena! O evento foi massa!

O Diversão Offline começou como um evento de boardgames no Rio de Janeiro, e que agora chega a sua 2ª edição na terra da garoa. Em Sampa o evento ganhou contornos nacionais, atraindo gente de todo o país. Com essa projeção e alcance, o DOFF-SP se tornou o lugar perfeito para reunir boa parte da galera que tá produzindo conteúdo sobre RPG na internet.

Diversão Offline, Coração Online

Este DOFF me lembrou a RPGCon 2009 e 2010, um evento organizado para cobrir o buraco de outro evento. Vivíamos a Era de Ouro dos Blogs de RPG, e a comunidade fervilhava! Não lembro de haver grandes lançamentos ou nada assim, o que importava lá eram as pessoas, trocar ideias (ou cair no soco) com a galera que você já conhecia e admirava da internet.

O DOFF foi assim também, o coração deste evento não foram os lançamentos ou palestras com nomes internacionais do RPG, que não ocorreram. O coração deste DOFF-SP foram as pessoas, talvez o prenúncio de que estamos num novo momento de ebulição.

Para mim, o DOFF-SP foi conhecer a filha do Jamil e dar mais um abraço naquele homão; foi sair pra tomar café ou comer lámen com a galera do Mundos Colidem; foi poder almoçar e trocar uma ideia com uma pá de gente que eu não conhecia; foi conferir as primeiras artes do Adventurers Packs; foi poder conversar sobre minha mesa de A Relíquia do Vale do Trovão com o Dan Ramos e a Luisa Khüner; foi rever parte das minhas impressões sobre o Áureos RPG após trocar uma ideia com o Luciano e o Ooze; foi conhecer o paragon Shingo sem cabelo! E tantos, tantos outros papos.

A sensação é que faltou tempo pra poder conversar mais com cada um, mas ao mesmo tempo, tenho certeza que todos saíram do evento mais inspirados que nunca, com novas conexões, e velhos laços fortalecidos. Cês são foda!

Segue abaixo mais algumas impressões:

RPG dominando!

O DOFF é um evento centrado na febre dos boardgames, mas ouso dizer que o RPG está ganhando cada vez mais espaço. Redbox e Retropunk tinham grandes estandes. A New Order tinha um bom espaço com mesas, além do estande de várias editoras e do Jogarta. Curioso pensar que em 2009/2010, Redbox e Retropunk tinham apenas uma mesinha cada no setor de RPGs indies da RPGCon.

Faltou lançamento!

Ok, curti o evento pela comunidade, mas também senti falta de lançamentos. Sei que houveram inúmeros atrasos em diferentes editoras, mas espero que ano que vem a galera consiga incluir o DOFF-SP no seu plano de lançamentos.

D&D 5ª Edição

Teve palestra do D&D 5ª edição, e também uma área na Galápagos sobre a tradução que está pra chegar… não tive interesse em nada disso. Quem tá no hype da 5ª edição deve ter vivenciado outro evento. Assim como quem curte boardgames.

Indies contra-atacam!

Foi muito legal trocar uma ideia com diferentes autores de diferentes visões sobre RPG, e ver eles trocando ideias entre si. E ouso prever que tais trocas vão gerar um bom caldo no próximo DOFF-SP. Ouvi falar até de um manifesto!

A palestra “FAÇA VOCÊ MESMO! PUBLICAÇÃO INDEPENDENTE DE RPG” foi fantástica, com ótimas falas de todos ali presentes. O Jorge Valpaços em especial é um cara fantástico! A palestra foi filmada e vale a pena uma olhada (atualizo com o link do vídeo assim que sair).

Palestra sobre publicação independente de RPG. Da esquerda pra direita: Leandro Pug (RPGN), Jorge Valpaços (Lampião Estúdios), Stephan Martins (Ordem do Dado), Thiago Rosa (RPGN, Karyu Densetsu) e Nina Bichara (Karyu Densetsu, RPG das Minas).

Blogs do Brasil, uní-vos!

Podemos não viver mais na “Era de Ouro dos Blogs”, e hoje dividimos espaço com youtubers, streams e podcasts, mas ainda somos relevantes e temos o que dividir! Acho legal tentarmos organizar um espaço para troca de ideias entre estes diferentes produtores de conteúdo, nos moldes do antigo “Encontro de Blogs” que ocorria na RPGCon.

Prêmio Ludopedia e Goblin de Ouro

Tivemos dois importantes prêmios no DOFF-SP, ambos sob voto popular, o que é algo bacana. No entanto, me incomodou a falta de categorias ou então de um júri técnico para fazer uma pré-seleção e dar mais espaço para a galera que tá começando. É algo a se pensar. Eu poderia sugerir um “prêmio sindical” capitaneado por blogs, mas só de pensar no trabalho…

Link do RPG News com os vencedores do Goblin de Ouro.

Link com os vencedores do Prêmio Ludopedia.

About Edu Guimarães

Mestra RPG desde os 10 anos e nunca mais parou. É nerd, biólogo, Leal e Bom.