[JB] Liga Narrativa (Fev – Começo): Rito de Passagem

Publicado originalmente no Juca’s Blog em 19 de fevereiro de 2010.

Antes de tudo um pequeno causo:
A Liga Narrativa é um aglomerado de Joes e Sues que jogam RPG, escrevem e fazem pequenos milagres em seus blogs. Depois que Rainha da Noite foi ao ar no Juca’s Blog, começou um papo. Tuitadas e emails resolveram a questão. Todo mês haverá um tema e todos os membros escrevem um conto sobre o mesmo. Eu escolhi “Começo” e virou o 1º.
Por enquanto não temos um logo (né, Erick?). Podem fuçar nossa lista que carinhosamente apelidei de “Corrente“. Vou colocar alguns links dos participantes para que vocês tenham uma ideia. O grupo aceita novos membros, mas é rigoroso (:P). Vamos ao conto (ou seja lá o que escrevi).
Liga Narrativa, Fevereiro de 2010.
Membro: JJ Rangel, de Duque de Caxias – RJ, representando Juca’s Blog
Tema: Começo
Título: Rito de Passagem
Num belo dia como a noite, o sol ardia mais que açoite. Cabia então a este bardo superar a dor, o medo e o fardo. A dor nas pernas era inevitável e o mar de areia, interminavél. A morte seca era iminente, um triste fim para um descrente. E eis que surgiu uma bela imagem. Esperança? Só podia ser miragem! Ousei chegar um pouco mais perto e enfrentar o riso do deserto.
Logo pude me admirar: não era sonho, nem o despertar. Um local para me recompor, com ar sereno, quase torpor. Olhei a tenda com muito esmero. Era minha fuga, reintero. Quem a fez tem muito mérito. Bela herança de um pretérito. Não demorou tive de escolher: morrer ao sol ou lá perecer. Olhei por uma pequena brecha estreita. Alguém chegava à minha espreita.
Estava dentro do posto de outrém. Com certeza não iria querer meu bem. Um oponente, um algoz? Ele, eu ou nós? Quando entrou, logo o reconheci. Meu perseguidor estava bem ali. Gritei que não voltaria e o homem apenas sorria. Escolhi como seria meu fim. De jeito algum seria assim. Minhas mãos feriram pela última vez. Um golpe certeiro. Sorte, talvez.
Finalmente tive fé. Pude sobrepor as dunas a pé. Libertei-me da escravidão. Larguei a espada, meu grilhão.
Boas vindas a esta guilda secreta, onde o auge da arte é nossa meta. Ainda vivo, não sei se mereço. Que cada um possa encontrar seu próprio começo.
***
Veja outros Joes e Sues trabalhando neste projeto:
Beholder não Tem Bunda (Jacker): LN # O discípulo do dragão #01 (21/fev)
Brainstorm (Allana Dilene): A luz que queima os olhos – Parte 1 (14/fev)
Dois Contos (Elisa Gen): Príncipes e princesas (20/fev)
Dois Contos (Dan Ramos): De Tudo (25/fev)
Juca’s Blog (JJ Rangel): Liga Narrativa (Fev – Começo): Passagem após o Rito (26/fev)
Lote do Betão (Valberto): Mercenário – Capítulo 2 (22/fev)
O Feudo (Mário Jagunço): Liga Narrativa! (07/fev)
Roleplayer (Marlon Armageddon):  Liga Narrativa – Começos (04/fev)
RPG do Mestre (Erick Patrick): Liga Narrativa – O começo (21/fev)
Taverna do Goblin (O Goblin):  [Liga Narrativa] Começos (21/fev)
Até.

Jaime Rangel

Jaime "JJ" Rangel é um cara de Duque de Caxias (RJ), franco, tranquilo e desmemoriado. Gosta de levar inquietação às mentes alheias. Prefere 10 inimigos sinceros a 1 amigo indeciso. Cuidado ao perguntar algo, ele responderá a verdade. E a verdade é sempre mais divertida (pra ele). Escreve/traduz/joga RPG e afins.

Você pode gostar...

4 Resultados

  1. Di Benedetto disse:

    LOOOOOL!
    Se você olhar lá embaixo nos posts vai ver que postei uma fan fiction de LEDD com título EXATAMENTE igual ao do seu conto. Hehe.
    Mas juro que não conhecia ele. XD
    Coincidência mesmo.

  2. Armageddon disse:

    Bah, pena que a Liga Narrativa está meio apagada ultimamente. Sempre rendeu boas pérolas =D

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: