Monte Cook volta para a Wizards

Monte Cook já deve ter anunciado sua aposentadoria do RPG uma dúzia de vezes nos últimos anos, seja para se dedicar a sua carreira como romancista, seja para se dedicar a quaisquer outros projetos. Mas alguém sempre o traz de volta, quando ele mesmo não volta sozinho, e dessa vez foi a Wizards of the Coast que está colocando ele de volta ao trabalho.
Apesar de não ser confirmado se ele ao menos terá um cargo na empresa, Monte Cook está assumindo a coluna Legends & Lore atualmente escrita por Mike Mearls, gerente de Pesquisa e Desenvolvimento de D&D. A coluna é focada na história de D&D, seu passado, presente e futuro. E como a enfase do anúncio da vinda de Monte Cook é no futuro de D&D, isso está causando uma onda de especulações sobre um anúncio do desenvolvimento da 5e do jogo de RPG mais famoso do mundo para um futuro próximo.
Numa notícia relacionada, Mike Mearls disse que abandonou a coluna para se dedicar mais ao desenvolvimento do jogo, boa noite e boa sorte.
Via Ambrosia (roubamos a imagem troll desse artigo daqui).

Nume Finório

Você sabe quem eu sou.

Você pode gostar...

13 Resultados

  1. FFenrirX disse:

    huahuahuahauhuahaha
    Esse Cook é muito doido! Levanta a bandeira anti-WotC com seu Pathfinder, e agora, volta as raízes?

  2. Tek disse:

    Na boa, caguei pra Wizards. Por mim pode trazer até o Gygax de volta…

  3. Pedro disse:

    Ainda me lembro da materia na DB que entrevistava ele. Lembro que tinha um manual D&D alternativo e talz =_=

  4. Guilherme M. disse:

    Fantástica notícia, Cook costuma fazer coisas muito boas, o cara tem uma visão do RPG muito interessante. (Mas não podemos esquecer de que ele também tem seus deslises, afinal, se a 3.0, que ele ajudou a fazer, fosse tão boa não teria havido 3.5)
    Além disso, sem querer polemizar, mas já polemizando:
    Espero, mesmo, que a wizards não lance uma 5ed de D&D num futuro próximo. Isso porque D&D 4ed, é, na minha opinião, a melhor versão do jogo até hoje e ainda estaria muito cedo para que uma nova edição trouxesse mudanças significantes.
    E para os que criticam 4ed, o começo da edição era realmente fraco em termos de fluffy, ou até em termos de incentivo a interpretação em seus livros.
    Isso mudou.
    Leiam a linha Essentials, o Monster Vault: Threats to the Nentir Vale, Neverwinter CS e o Shadowfell, por exemplo, e perceberão a mudança de 180º que a Wizards tomou em seus produtos mais novos. São deliciosos de ler, atiçam a imaginação como não se fazia a muito tempo.
    Por isso, acho que o Monte tem mais é que entrar na onda da wizards, e ajudar a manter a alta qualidade dos novos livros da edição. 4ed é altamente modular, eles podem mudar consideravelmente até o desing sem precisar mudar de edição, vide o essentials.

  5. Renatchors disse:

    Olha o cara do filme “The Gamers” à direita do Cook!!! =D

  6. bob nerd disse:

    Que bom que Tormenta não depende mais de sistema gringo nenhum! Imagina se dependesse, se sair uma 5e teríamos que mudar tudo mais uma vez! Tá certo nada passa de especulações mas se vier a se concretizar mesmo preparem os bolsos para comprar tudo novamente.

    • Puppet disse:

      Quem lê até acha que Tormenta é um sistema super estável que fica anos e anos sem sofrer grandes alterações:
      Tormenta Daemon 2001
      Tormenta d20 2005
      Tormentão 2010
      D&D 3.0 2000
      D&D 3.5 2003
      D&D 4.0 2008
      Em relação a edições Tormenta lançou 3 em 9 anos enquanto D&D o fez em 3 ou seja não tem muita diferença não.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: