Strahd Von Zarovich

Esse é um post da INICIATIVA GURPS! Esses posts são sempre conjuntos, temáticos e periódicos. Assim, de 15 em 15 dias, você pode conferir a visão de vários autores sobre um mesmo assunto.

O tema desta edição da INICIATIVA GURPS é Vampiros!

Um homem de origem nobre, Strahd Von Zarovich passou grande parte da sua vida servindo as causas da bondade e da justiça, mais notadamente como um guerreiro e líder de exércitos.

No entanto, os anos de serviço cobraram seu preço a ele, e na época em que ele atingiu a meia idade, Strahd começou a acreditar que havia desperdiçado sua vida e sua juventude.

Com esse amargor sobre ele, Strahd resolveu conquistar a região conhecida como Barovia, e se tornou o seu senhor, usando como sua residência o castelo pré-existente conhecido como Castelo Ravenloft, localizado na beira de um precipício (é importante não confundir as menções ao “Castelo Ravenloft” e o nome do semi-plano “Ravenloft”).

A partir desta posição de poder e segurança, ele buscou membros da sua família “que há muito foram destituídos de seus tronos ancestrais” para que se juntassem a ele, incluindo um irmão mais novo chamado Sergei.

Stradh passou a governar Barovia com uma mão firme, massacrando a população.

Passado algum tempo depois desta reunião, o conde se apaixonou por uma jovem mulher Baroviana chamada Tatyana, que rejeitava suas investidas em favor do jovem Sergei.

Cheio de desespero e ciúme, e com um ódio crescente por Sergei, Strahd procurou meios mágicos para restaurar a sua juventude. Em um momento de frustração desesperada, ele “fez um pacto com a morte – um pacto de sangue”.

No dia do casamento de Sergei e Tatyana, como forma de selar seu pacto, Strahd assassinou seu irmão horas antes da cerimônia e se tornou, então, um morto-vivo.

Pelo calendário de Baróvia, era primavera do ano 351.

Em seguida, ele perseguiu a triste Tatyana, até que ela atirou-se do penhasco do Castelo Ravenloft.

A guarda do castelo, sabendo da sua condição amaldiçoada tentou matá-lo, atingindo-o com flechas. Mesmo assim ele não morreu, mas assassinou a maior parte dos convidados para a festa e muitos dos serviçais do castelo.

Nesse momento, o reino inteiro de Barovia adentrou o plano dos horrores. Não se sabe ao certo como e porque. Se foi o ato brutal de Strahd, se foi o pacto com a morte, ou uma maldição sobre a terra.

A partir de então Strahd passou a se chamar de “primeiro vampiro”. Apesar da grande quantidade dessas criaturas pelo multiverso, ele realmente é o primeiro vampiro de Ravenloft.

Com o tempo, a própria geografia do reino se alterou, e passou a refletir Strahd e sua maldição.

Um anel de névoa sufocante passou a circundar a cidade de Barovia e o Castelo Ravenloft, e o controle do vampiro sobre as criaturas do reino se tornou cada vez maior. Ele realmente se tornou lorde de seu domínio.

Antes da sua queda, Strahd foi um mago medíocre. Agora, ele se dedicava a morte, e tornou-se um poderoso necromante, aprendendo cada vez mais sobre os caminhos da morte e seus poderes vampíricos.

Atualmente:

Strahd é impiedoso, frio e possui um intelecto genial. Tudo o que faz se dá com um objetivo. Além disso, ele sempre possui um plano de contingência para tudo o que fizer. Como um morto-vivo, tempo não significa nada para ele, o que o torna mais paciente que qualquer mortal.

Quando estiver interpretando Strahd, nunca dê pistas ou dicas. Além disso, os planos dele SEMPRE prevêem tudo o que os jogadores pensarem.

Ele possui apenas duas fraquezas:

A primeira é o seu excesso de confiança. Ele já é poderoso por tanto tempo que sempre subestima o poder de humanos normais. Apesar disso, ele não deixa que o orgulho o coloque em perigo. Ele não tem problema algum em recuar no caso de encontrar algum oponente mais poderoso.
Sua segunda fraqueza é a pior. Se amor eterno por Tatyana (seu corpo nunca foi encontrado depois de ter se suicidado).

Com o passar dos anos, sempre há uma mulher que se assemelha tanto a ela que a única coisa a se pensar é que se trata de uma reencarnação de Tatyana.

Encontrar essa mulher e obter o seu amor é uma obsessão para Strahd e ele fará praticamente qualquer coisa para reencontrá-la.

Ele não será cego e tolo por ela, mas aceitará enfrentar riscos calculados.

Strahd mantém contato com os ciganos, que lhe trazem notícias dos outros reinos, e mantém contato com outros lordes do semi-plano, embora os trate como peças de xadrez a serem manipuladas na direção dos seus objetivos.

Ele também não se importa com seus descendentes ou servos.

Com o tempo, o semi-plano lhe deu muitos poderes, incluindo uma carruagem que anda pelas ruas de Barovia sem cocheiro, seguindo apenas a vontade do vampiro.

Strahd pode sentir a presença de criaturas sensientes próximas a carruagem e sabe quando a carruagem tem passageiros (embora ele não possa ler mentes).

Combate:

Strahd é formidável.
Ele possui todas as habilidades vampíricas normais (sugar sangue, encantar pessoas, garras, virar morcego, névoa, etc) mas, mesmo assim, como um vampiro de 384 anos, ele é bem mais poderoso que os vampiros normais.

Ele é imune a alho e pode resistir a luz do sol por 10 rounds antes de começar a sofrer algum dano.
Apenas armas mágicas com bônus de +2 podem atingí-lo.
Além disso, ele possui uma variedade enorme de servos, que pode conjurar mentalmente sempre que necessário.

Ele pode conjurar de 10 a 100 ratos ou morcegos ou de 3 a 18 lobos. Os morcegos não atacam, mas causam grande confusão e obscurecem a visão,  além de impedirem a gesticulação para conjurar magias. Ele ainda pode conjurar  de 1 a 10 zumbis ou 2  a 20 esqueletos.

Com seu nível de habilidade em necromancia, os mortos-vivos criados por Strahd são muito mais fortes e difíceis de exconjurar (NH20).

Além disso, ele ainda criou diversos vampiros ao longo dos anos, a grande maioria mulheres. Apesar disso, ele tem o hábito de destruir esses vampiros depois de aproximadamente um ano. Ele faz isso para que a população de vampiros não aumente, exaurindo a caça, e para que não haja alguma conspiração para tomar seu poder.

Ao contrário de outros vampiros, ele não precisa de permissão para entrar em residências em Barovia. Stradh É a terra.

Ele ainda pode controlar objetos que estejam no reino há algum tempo. Pode abrir e fechar portões, por exemplo. Além disso, também pode se deslocar instantaneamente para qualquer lugar do reino apenas desejando ir.

A extensão completa dos poderes de Strahd sobre objetos é desconhecida, e é possível que esses poderes advenham de algum outro poder sombrio.

Durante o dia, o vampiro adentra um estado similar ao coma, e tem a aparência de morto para qualquer observador. Ele pode dormir em qualquer lugar de Barovia e, apesar de preferir caixões, qualquer lugar longe da luz lhe serve.

Ele ainda mantém um feitiço de contingência preparado sempre. Toda vez que for exposto a luz solar, ele é teleportado instantaneamente para um caixão escondido em uma caverna nas montanhas. Ele ficará lá até se curar e puder buscar vingança.

Itens mágicos são muito raros em Ravenloft, mas ele possui uma pequena coleção:

  • Bola de cristal
  • Amuleto contra detecção e localização
  • Capa de proteção +2
  • Anel de resistência ao fogo
  • Espada +1 (+2 contra usuários de magia e criaturas mágicas)

Clique aqui para baixar a ficha de Strahd.

Ficou com mais de 1000 pontos! Surreal. Espero não ter esquecido de nenhum feitiço importante.
E não esqueça! Você pode participar da escolha dos temas votando na nossa enquete!

Você pode gostar...

8 Resultados

  1. Nerun disse:

    Uau! Ficou muito bom! Parabéns.

  2. Alexandre disse:

    Obrigado, Nerun! 🙂
    Deu um trabalhão fazer a ficha do carinha aí, mas acho que valeu a pena.

  3. Caraca. Que ficha enorme.
    Não li a ficha [argh, detesto inglês] mas o histórico é fantástico. Tatyana deve ter sido fantástica quando em vida.

  4. Alexandre disse:

    Concordo que uma ficha em português seria melhor. Pena que o programa é em inglês…
    Tatyana era realmente única. O livro chega a citá-la como dona de uma rara beleza, também apelidada de “perfeita”, “alegria” e “tesouro”.

  5. Túlio d Bard disse:

    Ô Alexandre,
    Eu estava pensando aqui naquele seu sistema Non Sense, e imaginei algumas alterações, adições e etc. Será que poderia colocar no meu blog (com os devidos créditos e links para o original, claro)?

  6. Alexandre disse:

    Fala, Túlio!
    Faz assim:
    Pode colocar no seu blog o original (se você quiser) e a alteração.
    Só que aí eu é que te peço… posso colocar a alteração aqui também (claro, com os créditos/link a você)?

  7. Túlio d Bard disse:

    Com certeza! Ando meio ocupado ultimamente, mas assim que colocar lá te aviso.

  8. Breno disse:

    A ficha não está mais acessível. Poderia disponibilizar novamente, estou rodando Curse of Strahd e seria bem útil ter esse material para comparação.
    Abraços

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: