[JB] Liga Narrativa (Mar – Banquete): Fome

Publicado originalmente no Juca’s Blog em 13 de março de 2010. Liga Narrativa, Março de 2010. Membro: JJ Rangel, de Duque de Caxias – RJ, representando Juca’s Blog Tema: Banquete Título: Fome […]

Publicado originalmente no Juca’s Blog em 13 de março de 2010.

Liga Narrativa, Março de 2010.

Membro: JJ Rangel, de Duque de Caxias – RJ, representando Juca’s Blog

Tema: Banquete

Título: Fome

Acordo zonzo. Já é noite. Como o tempo passa rápido na cidade. Mas cada dia aqui é como se fosse o primeiro. É sempre assim: fico pensando no que faço e no que farei. Era mais fácil ter um diário… não, um blog. É assim hoje em dia. As pessoas espalham suas verdades para todos os cantos do mundo. Não sabem quanto poder reside em um segredo bem guardado.

Acho que estou ficando velho demais para mim. Melhor tomar um banho e parar com a lamúria. E essa fome que não passa. É uma maldição. Mal acordo e ela vem me atormentar. Que coisa!

Fazer ou não a barba? Nem preciso olhar num espelho para saber que está como sempre: sempre por fazer. E a fome aperta. Melhor sair e procurar uma refeição antes que enlouqueça.

Muitas opções, poucos recursos. Mas refeição é o que não falta. Todos os tipos, sabores e preços. Vou começar por um restaurante. Deve ter algo de nível ao meu alcance. E a noite segue. Restaurante, lanchonete, cinema e bar: meu roteiro de costume.

Que falta sinto de minha terra, onde cavalgava e tinha mesa farta; era quase nobre. Ah! Bons tempos. E a fome não me deixa. Quero mais e mais. Sempre mais. A saciedade parece algo distante. Não sei, acho melhor voltar pro apartamento, meu atual refúgio. Daqui a pouco amanhece e a coisa fica feia. Já me expus demais.

Ora, mas o que é isso? Uma boate nova e com festa VIP. Deve ter muita comida lá dentro. E que nome: A Última Noite. Sugestivo.

– Ei, gato! Parece procurar algo… ou alguém.

Dama atraente. Frágil. Deve ser responsável por quem entra ou sai.

– Olá, jovem dama. Acho que posso dizer que… ambos. Na verdade, estou faminto. Mas não tenho convite pra festa.
– Não? Sem problema. Entre comigo e mate sua fome.
– Matar? Certo. Já que me convidou espontaneamente, por que não?

Nossa! Quanta refeição. Sorrio para todos sem parecer bobo, nem mostrar dentes demais. Tanta gente alucinada e entorpecida. Pode acontecer um massacre em frente a todos que não vão perceber.

– Está gostando, gato?
– Claro. Com tantas pessoas por todos os lados, mal posso esperar o banquete. Mas primeiro, minha cara, vamos ali pro canto.
– Como é?
– Começarei com um aperitivo.

***

 

Veja outros Joes e Sues trabalhando neste projeto:

Beholder não Tem Bunda (Jacker):

Brainstorm (Allana Dilene): Fulfilled (08/abr #semifail)

Dois Contos (Elisa Gen): A última refeição do rei (06/mai #semifail)

Dois Contos (Dan Ramos):

Juca’s Blog (JJ Rangel): Liga Narrativa (Mar – Banquete): Fome (13/mar)

Lote do Betão (Valberto): Desligou-se do grupo. Mas o Lote do Betão vive.

O Feudo (Mário Jagunço): Liga Narrativa – Março! (12/mar)

Roleplayer (Marlon Armageddon): Liga Narrativa – Março (08/abr #semifail)

RPG do Mestre (Erick Patrick): Liga Narrativa – Virando a mesa (15/abr #semifail)

RPG do Mestre (Erick Patrick): Fome voraz (18/abr #semifail)

Taverna do Goblin (O Goblin):

Sobre Jaime Rangel

Jaime "JJ" Rangel é um cara de Duque de Caxias (RJ), franco, tranquilo e desmemoriado. Gosta de levar inquietação às mentes alheias (antes através do Juca's Blog e Roleplayer). Prefere 10 inimigos sinceros a 1 amigo indeciso. Cuidado ao perguntar algo, ele responderá a verdade. E a verdade é sempre mais divertida (pra ele).