Selva Brasil : novo romance de ficção especulativa de Roberto Causo

A editora Dracco, que tem investido pesado na ficção especulativa nacional, anuncia mais um lançamento: o romance Selva Brasil, de Roberto Causo.
Direto do Press Release:

Capa de Selva Brasil


Esta é uma história alternativa que imagina como seria o Brasil vinte anos depois da invasão militar brasileira das Guianas, na Fronteira Norte, segundo os planos megalomaníacos do Presidente Jânio Quadros. Simultaneamente, a Argentina invadiu as Ilhas Malvinas, no Atlântico Sul.
Contudo, uma coalizão formada pelos países atingidos pela ação militar brasileira – Inglaterra, França e Holanda – e os Estados Unidos contra?atacaram e empurraram os soldados brasileiros de volta, ficando com um bom pedaço da Amazônia Brasileira.
Desde então instalou-se um conflito permanente na região, com o Brasil e aliados latino-americanos lutando para retomar o território perdido e manter sob controle uma guerrilha patrocinada por aqueles países do Primeiro Mundo. É um Brasil completamente diferente do nosso, contido política e economicamente por esse conflito perpétuo, e com gerações de jovens brasileiros comprometidas com o conflito.
Amparada por uma pesquisa cuidadosa, Selva Brasil acompanha um grupo de soldados que – ao seguir para um ponto anônimo do Amapá, na fronteira com a Guiana Francesa, onde devem substituir uma outra unidade do Exército Brasileiro – se depara com desertores e com um plano secreto para romper as regras de engajamento que limitam o conflito na região.
Ao mesmo tempo, esses homens são confrontados com um estranho experimento militar que, indo além dos parâmetros do seu projeto, pode ter aberto um portal entre essa realidade paralela e a nossa.

Roberto de Sousa Causo
formado em Letras pela USP, é autor dos livros de contos A Dança das Sombras (1999) e A Sombra dos Homens (2004), dos romances A Corrida do Rinoceronte (2006) e Anjo de Dor (2009) e do estudo Ficção Científica, Fantasia e Horror no Brasil (2003). Seus contos apareceram em revistas e livros de dez países. Foi um dos classificados do Prêmio Jerônimo Monteiro e no III Festival Universitário de Literatura (com Terra Verde 2001); e ganhador do Projeto Nascente 11 de Melhor Texto, com O Par: Uma Novela Amazônica (2008).
Selva Brasil
Autor: Roberto de Sousa Causo
ISBN: 978-85-62942-07-5
Gênero: Literatura Fantástica
Formato: 14cm x 21cm
Páginas: 112 em preto e branco, em papel pólen bold 90g
Capa: Cartão 250g, laminação fosca, com orelhas de 6cm
www.editoradraco.com.br

Você pode gostar...

11 Resultados

  1. Jorge Caffé disse:

    Roberto de Souza Causo é um dos maiores autores de Ficção do Brasil, e com certeza esse livro é figura certa em minhas prateleiras.

  2. Fagner Lima disse:

    Ele ainda organizou a coletânea de contos 'Ficção Científica Brasileira' para a Devir, além de ser uma pessoa muito agradável e uma espécie de enciclopédia sobre o gênero!

  3. Jagunço disse:

    Um autor extremamente hábil no tratamento da ficção nos dias de hoje. Sou fã de seus contos e outro leitor garantido deste livro novo, é uma questão de tempo. 🙂

  4. Nume Finório disse:

    Me ganhou só pelo fundo militar da trama. Vou comprar e dar uma olhada.

  5. Nume Finório disse:

    Destaque também pra capa que ficou foda na minha opinião.

  6. Tiago Lobo disse:

    A foto da capa eu achei muito bacana, a logotipia já achei muito simples.

    • Nume Finório disse:

      Na verdade é a logotipia padrão das Forças Armadas Brasileiras, e da maioria das forças armadas ocidentais, numa clara referência à caserna.

      • Tiago Lobo disse:

        Aí é que tá: não é. Tu pensou na *fonte* padrão das Forças Armadas .
        Logotipia é o logotipo, a marca, de um produto. Tu pode usar a fonte padrão incluíndo algum efeito gráfico pra não ficar tão simples.
        Por exemplo: acho que ficaria bacana a mesma fonte metalizada com uns riscos e buracos de bala e, de repente, o nome do autor gravado em um daqueles cordões de identificação, entrelaçando o logo. Isso seria uma logotipia. O que tem na capa do livro é só uma fonte.

  7. Roberto Causo disse:

    Agradeço muito ao Tiago pelo espaço que ele deu a esse lançamento — e a Fagner, Jorge e "Jagunço" pelas palavras que me ajudam a continuar empenhado na minha atividade como escritor. Espero que tenha oportunidade de ler o livro, e que apreciem a leitura.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: