Frase da semana

Na verdade, hoje são duas frases: “O mercado ignorou a 4 edição”, disse alguém confuso. “D&D Player’s Handbook 2 é o 4º colocado entre os mais vendidos da semana na categoria não-ficção, a frente de livros como O Segredo“, diz o The Wall Street Journal, um dos mais respeitados jornais do mundo.

Nume Finório

Você sabe quem eu sou.

Você pode gostar...

8 Resultados

  1. d.darkangellus disse:

    “O mercado ignorou a 4 edição”…diz o Livro (Bolsa?) de Valores do Mercado Internacional.
    Parece até reportagem da Globo…tsc…que píada.

  2. Daniel R disse:

    Meu pai do céu, quem foi o autor dessa pérola? O.o
    Ei Nume, não tem como colocar o esqueminha de seguir os comentários por e-mails? Eu sou meio masoquista e gostaria de seguir minhas respostas, mesmo resultando em flames de 13718123³ comentários XD

  3. Daniel,olhe o Área Cinza e você vai descobrir,falando nisso:
    O rocha poderia fazer um Ranking de frases idiotas na Área Cinza,algumas (como essa,logo acima) vão ficar para história.

  4. Raven disse:

    Parece que a galera anda mal informada mesmo…
    Não sei se contribuo ou não com esse “mercado” mas não vou abandonar meus livros 3.5 nem tão cedo! (nem no Livro de Níveis Épicos eu cheguei ainda!)
    Mas a galera dos states é loucura.
    Onda está a crise? O gato comeu? Ninguém viu?
    Abraços

  5. Fabio disse:

    Não que eu concorde com o artigo do Fabiano, embora eu siga a linha do Antônio do Pop Dice (pode até não ter crise, mas que algo não anda bem…), mas pelo que entendi do referido artigo, quando foi dito que o mercado ignorou a 4ª edição, foi em relação às demais EDITORAS que não lançaram produtos compatíveis, na época da OGL, pipocou lançamento de tudo quanto foi lado, agora, mesmo com a revisão da GSL, muito pouco material “de terceiros” pareceu.
    Uma coisa que muito está se falando é essa questão dos livros de D&D estarem na lista de mais vendidos, mas essas listas são apenas do mercado dos EUA, ou levam em conta as compras globais? Sim, porque acredito que muito pouca gente compre “O Segredo” em versão original em inglês, diretamente dos EUA, mas o resto do mundo com certeza compra os livros de D&D dessa forma, seja porque as livrarias nativas demoram para traduzir (vide a Devir), seja porque muitos preferem assim.

  6. Frederick Vaz disse:

    Fabio na verdade O Segredo foi um extremo sucesso de vendas nos EUA.
    Se quiser conferir é só visitar o USATODAY e pesquisar pelo nome da autora “Rhonda Byrne”. Ele esteve no ranking deles até mesmo em sua versão em espanhol. Na versão em inglês ele ficou 121 semanas no ranking(e se duvidar continua por lá) com o pico de 1º lugar.

  7. Fabio disse:

    Frederick, eu sei disso, aliás O Segredo foi sucesso no mundo todo, aqui no Brasil teve até uma versão narrada pela Ana Maria, não que para mim isso seja credencial de alguma coisa, mas enfim… voltando ao ponto, o que me interessa saber é se o cálculo dos mais vendidos é só dos EUA ou se engloba os pedidos feitos no exterior.
    Essa dúvida é importante porque se o livro vendeu sei lá 5 milhões em 1 mês, só para consumidores estadunidenses, é uma coisa, agora, esse mesmo número considerando o mercado do mundo todo, deve ser analisado por outro ângulo.
    Não se está colocando em dúvida que a 4ª edição foi um sucesso, isso é inegável, mas como já dizia minha professora de matemática, “a estatísca é a prostituta da matemática”, os números analisados apenas em si mesmos podem levar a conclusões erradas, então é preciso sempre analisar o dado estatísco em conjunto com outros fatores.

  8. Frederick Vaz disse:

    O que eu gostaria de saber é se a Amazon apresenta o número de livros vendidos para o Brasil de um determinado livro. Apenas para sanar uma curiosidade. Alguém consegue checar isso?

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: