Persona 3D&T – Expansão

No primeiro post, você conferiu os Persona-Users adaptados como uma vantagem, seguindo o modo que são apresentados no game.

Porém, os animês baseados na série Persona os mostram de forma ligeiramente diferente, que também pode interessar à mesa de jogo, por isso confira aqui uma expansão do artigo, com novas regras para as vantagens Persona-User e Wild Card, deixando-as semelhante a como os Personas são vistos nos animês.

Persona-User (2 pontos)

(confira a descrição completa da vantagem aqui)

Essa vantagem funciona de forma semelhante à Aliado; você pode invocar uma criatura, o Persona, construída com a mesma pontuação que o personagem, que só pode ser invocada em situações de combate e permanece até o fim do mesmo, sendo controlado da mesma forma que Aliados comuns. O Persona possui uma Armadura Extra e uma Vulnerabilidade, que devem ser escolhidas na construção da ficha e não podem ser modificadas posteriormente. Um Persona não possui Resistência própria; ao invés disso, ele utiliza os PVs e PMs do User (ou seja, caso o Persona sofra dano ou ative habilidades, são dos PVs e PMs do User que serão descontados), e evolui da mesma forma que um Aliado.

Wild Card (2 pontos):

Caso o mestre opte por essa versão dos Personas, a vantagem Wild Card também precisará ser modificada. Essa vantagem passa a permitir construir um segundo Persona, com a pontuação atual do personagem. Trocar de Persona durante o combate exige uma ação, e só pode ser feito uma vez por combate. Posteriormente, pelo preço de 1 ponto (10 PEs), o personagem pode adquirir mais um Persona extra. Sempre que você evolui seu personagem, pode escolher apenas um de seus Personas para evoluir proporcionalmente.

Versão do game x versão do anime, qual usar?

Agora, com duas versões da vantagem Persona-User, pode ter ficado confuso de qual é a que vale, não é? O mestre quem deve escolher qual se ajusta melhor em sua campanha.

A versão do game (vista no primeiro artigo), além de ser mais fiel ao original, é mais simples pois cada jogador fica responsável por uma única ficha, e não havendo diferença entre evoluir o User ou o Persona. Já na versão do animê, embora detalhe mais os Personas, pode ser mais complicada de lidar, pois os jogadores terão que administrar pelo menos duas fichas diferentes. É bom observar que, caso a versão do animê seja usada, vantagens de Magia ou mesmo de combate que exijam gasto de PMs (como Ataque Especial) deveriam ser restritas apenas ao Persona.

Outro detalhe que deve ser considerado, é que a versão do game dá mais destaque em combate aos próprios Users, enquanto a do animê aos Personas (afinal, é bem mais empolgante ver eles lutando do que estudantes armados…). Escolher a versão do animê transformará os Users em coadjuvantes durante o combate, bastando para eles sair do caminho e dar espaço para o Persona lutar por eles, o que pode ser frustrante para alguns. No fim, basta o mestre discutir com os jogadores quais regras preferem usar.

 

As imagens usadas nesse artigo são screenshots de Persona 4: The Animation.

Você pode gostar...

6 Resultados

  1. Pedro disse:

    Persona… persona… call your persona XD

  2. Atmo disse:

    Agora sim a coisa vai esquentar! Mas ainda faltou adaptar as magias!

  3. Igor disse:

    opa, testamos a adaptação, usamos um sistema antigo que o elfo do elf´slair.blogspot.com, fez para adaptar magias em vantagens (poderes) assim os jogadores escolhem uma magia e transformam em poder para as personas. Mas algumas falhas foram detectadas, por exemplo, ganhando xp quem evolui? ou ganha-se 2 pontos, preferi que só as personas pudessem ser atacadas, assim os user não precisariam comprar caracteristica armadura, (foi um erro) todos tem R nas nuves e são cheios de pericia.
    sobre o primeiro problema da experiência, o cara que pegou wilde card ficou meio deus, ja que evolui o user e as novas personas ja vem bombadas (feitas com a mesma pontuação dele).
    Criei tambem uma lista de itens inspirado no jogo persona 4 pros players comprarem, mas não ficou efetivo. Sobre o taunt eu uso as desvantagens monstruoso e má fama como chamariz de ataques, modelo especial (tem um user que é aleijado) paga mais xp pelos itens…

    • Kuro disse:

      Como diz na descrição da vantagem, usando o sistema baseado no animê o Persona evolui da mesma forma que um Aliado – quando o personagem acumular 10 PEs, o Persona também recebe 10 PEs na mesma proporção.
      Você chegou a ver o primeiro post, com um sistema diferente (mais parecido com o game)? Ele é menos over, e o Wild Card é bem modesto se comparado com o do animê. O link tá logo no começo desse post, dá uma olhada e comenta ele também :3

      • Igor disse:

        vi sim, inclusive achei mais bacana a expansãa por que assim temos uma parte investigativa e na realidade paralela temos os combater, na primeira o que impede pivetes com katanas de debulhar o colégio inteiro?
        nessa evolução de 10 – 10 o wild card é deus…
        depois eu mando pra vc as modificações e um release da nossa campanha pra vc ver como foi! abraços….

        • Kuro disse:

          A mesma coisa que impede no game ueh xD No P3 mostra que o Persona pode ser usado mesmo no “mundo real”, então se eles quisessem fazer um massacre basta só dizer “Persona!!” e pronto. E não acho que o Wild Card fique tão apelão assim não, porquê ele só pode evoluir um Persona de cada vez, isso fala na descrição da vantagem.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: