Ícone do site RPGista

Piadas infames do bardo

Sem criatividade para escrever um texto profundo e pensante, resolvi escrever um punhado de piadas infames que o seu bardo poderia contar em uma taverna, antes de ser devidamente defenestrado do recinto por algum cliente mal humorado.
ATENÇÃO:

  1. Leia por sua própria conta e risco
  2. Não fique chateado com o dono do blog pelas piadas, prometo que elas não vão aparecer com freqüência

O que um beholder diz para o outro quando eles se esbarram?
Porra! Tá cego?!
Quantos bárbaros são necessários para trocar o óleo de um lampião?
Óleo? Aquilo que eu bebi era óleo?
Quantos orcs são necessários para trocar o óleo de um lampião?
Duas tribos.
Elas se juntam para atacar a vila e roubar o lampião. Depois se matam para decidir qual tribo ficará com ele. Os orcs que sobram são mortos por aventureiros que passavam. Eles trocam o óleo do lampião e prosseguem viagem.
Quantos Drows são necessários para trocar o óleo de um lampião?
Nenhum. Drows não têm medo de escuro.
Quantos Elfos são necessários para trocar o óleo de um lampião?
24
Um para trocar o óleo, os demais para gritarem:
“Vai poderosa! Você consegue! Gostosa! Uhuuu!”
Quantos Gnomos tinkers (inventores) são necessários para trocar o óleo de um lampião?
Um. Vai levar o verão inteiro, mas quando estiver pronto o lampião vai lavar sua roupa, anunciar as horas e ficar da cor que você quiser.
Quantos kenders são necessários para trocar o óleo de um lampião?
Lampião? Opa! Cadê o lampião?!

Sair da versão mobile