A Sensatez da Filha do Duque: Capítulo 13

Encontro Depois disto, as próximas semanas de trabalho foram gastas preparando para o estabelecimento do banco, obtendo o edifício e assegurando o equipamento necessário… Como é usual para nós, há […]

Encontro

Depois disto, as próximas semanas de trabalho foram gastas preparando para o estabelecimento do banco, obtendo o edifício e assegurando o equipamento necessário… Como é usual para nós, há uma montanha de coisas para se fazer.

Finalmente, o dia marcado para o encontro chegou. O local designado é a matriz da Guilda Comercial aqui no feudo do Duque de Armelia.

Quando me encontrei com Moneda nesta sala, pensei que o interior era calmante e profundo, e ainda é o mesmo de então.

“…Então, obrigada a todos por reservar um tempo das suas agendas apertadas para se reunir aqui hoje.”

Comecei o encontro com uma saudação. Além do mais, estou realmente extremamente agradecida para aqueles que se reuniram aqui hoje porque eles genuinamente possuem agendas muito, muito ocupadas.

“Não por isto. Nós também estávamos ansiosos por conhecer o presidente do conglomerado que roubou todos os holofotes¹ recentemente.”

Ele disse com um olhar afiado. Co-como esperado… ele acertou em cheio.

“Eu não vim até vocês hoje como o presidente do Conglomerado Azura, mas como o representante do Lorde Feudal do Ducado de Armelia.”

“Oh, como o representante do Lorde Feudal, é?”

“Sim. De outra maneira, seria impossível para mim reunir todos aqui hoje. Apesar de tudo, nosso conglomerado é apenas um novato.”

“Quão modesta. Eu tenho ouvido tudo sobre suas atividades.”

“Se esse é o caso… irei aceitar alegremente seus elogios. No entanto, meu objetivo hoje é relacionado com outra questão…”

A atmosfera na sala ficou gelada de repente.

“Em primeiro lugar, gostaria de estabelecer um banco no nosso feudo. Por isto, gostaria que todos fizessem uso dele.”

“…um banco, é?”

“Sim.”

“Perdão pela minha rudeza, mas o que exatamente é isto?”

“Para colocar de uma maneira simples, é uma versão avançada dos serviços de repositório providos pela Guilda Comercial. Seus propósitos principais são serviços de depósito, serviços de ordem de pagamento e serviços de financiamento.”

“Serviços de depósito? Serviços de… financiamento? Nunca ouvi falar destes antes… Que tipo de importância eles tem?”

“Vamos começar com serviços de depósito. É similar aos serviços que a Guilda Comercial tem provido, onde um individuo ou conglomerado pode depositar seus fundos. Estes tipos de serviços também serão conduzidos pelo banco.

Os fundos que as pessoas que fazem parte da Guilda Comercial gastam para constantemente contratar escoltas não serão mais necessárias. Não acham que isto será uma vantagem para a guilda?

Além disso, você pode fazer transações entre as contas no banco. Por exemplo, se duas partes interessadas depositarem fundos no banco, reservas em dinheiro podem ser movidas entre as contas e assim ninguém precisa carregar dinheiro consigo.”

Sobre os serviços de depósito, pensei que seria tudo bem fazer eles de maneira similar ao funcionamento no Japão. Em outras palavras, um livro bancário e selos². No entanto, desde que acabou de ser estabelecido, será difícil fazer transferências entre contas.

Então, pensei que seria uma boa ideia para os conglomerados criarem contas correntes. E também, porque é provável que as pessoas vão viajar para regiões diferentes, seria uma boa ideia criar cheques e saques.

Daí em diante, como pretendo criar registros familiares³, pensei que seria uma boa ideia criar carteiras de identidade com elas. Além disso, como prova que a carteira de identidade com alguém realmente pertence a alguém, deve haver um selo na parte de trás.

No entanto, não é necessário ter tudo como é no Japão… Ou melhor, vou polir essa ideia mais tarde. Já que os registros familiares vão levar algum tempo, ficará tudo bem se eles forem introduzidos depois que o banco for estabelecido.

Sobre o selo, já que não há kanjis neste mundo, como pensei, terá que ser o brasão dos nobres. Quando estava pensando sobre o que fazer, fui consultar com Moneda.

É o mesmo para os serviços de ordem de pagamento, tive que considerar como lidar com estes depois que uma conta for criada. Máquinas não existem aqui. Quando o cliente criar uma conta no banco, cada um receberá um livro de contabilidade, e usando este método, eles podem depositar seu dinheiro.

Falando nisto, nós já estabelecemos a divisão de guarda, e pretendo colocar eles em uso. Guardas são importante para bancos, especialmente quando começarmos a fazer entregas de malotes para filiais… não é mesmo? Claro, não é como se os guardas tivessem excelentes qualificações logo que são contratados… então um investimento inicial em treinamento precisou ser feito.

“…Entendo. No entanto, me pergunto se isto seria realmente seguro? Afinal de contas, eles são fundos importantes. Não pode haver nenhum risco.”

“Mas é claro, os fundos serão colocados sob a proteção da nossa Casa. Posso garantir a qualidade das forças de segurança que estarão protegendo os fundos. Por outro lado, se uma fraude acontecer, usarei minha posição para apreender o criminoso.”

“Hmmm. Então, sobre os serviços de financiamento?”

“Os serviços de financiamento irão emprestar os fundos coletados… em outras palavras, empréstimo de dinheiro. É claro que condições estritas serão impostas… E se alguém é capaz de atender aos requerimentos, eles serão capazes de pedir emprestado capital financeiro. Por exemplo, fundos para começar um novo negócio?”

“Isto é interessante.”

“Você pode depositar seu dinheiro a qualquer momento e apenas fazer uma retirada do montante necessário. Transações se tornarão mais fáceis. Além disso, se você precisar de capital, você pode pedir emprestado quando necessário. ‘Nossa Casa’ ficará responsável pela segurança dos fundos. E porque estará sob a nossa Casa, os fundos estarão seguros a menos que nossa Casa caia em ruínas. …O que você pensam? Mais cedo, você gentilmente elogiou a administração do conglomerado, mas o que você pensa do Lorde Feudal retornando o lucro para o feudo? Afinal de contas, o dinheiro do feudo pertence ao feudo.”

Apesar de dizer isto, não é como se o feudo tem garantias de receber fundos do banco. Especialmente quando as pessoas na minha frente não estiverem dispostas a fazer investimentos. Eles não estão enganados sobre para onde os lucros do conglomerado vão, certo?

“Em troca disto, o que você está pedindo de nós?”

“Com relação ao estabelecimento do banco, não tenho nenhum pedido em mente. Por que o mais importante é retornar o dinheiro do feudo para o feudo.

Ah, mas a Guilda Comercial sempre esteve a cargo disto, então gostaria da sua permissão se estaria tudo bem para recrutarmos estas pessoas para trabalhar no banco?

Já que há várias coisas a se aprender, seria melhor se contratássemos alguém com experiência. E também, apesar de termos preparado a sede do banco para ser aqui, ainda temos que decidir onde criar as filiais. Então, eu ficaria agradecida se a guilda tiver sugestões.”

“Com relação à nossa guilda, desde que nós sempre tivemos prejuízo nesta área, nós ficaremos mais do que felizes com você tomando conta… Então se é apenas isso, será um prazer cooperar.”

Muito bem, a possibilidade de estabelecer o banco parece quase certa.

“…Então, o próximo item na agenda. Devemos mover para o ‘assunto principal’ envolvendo os conglomerados agora?”

A atmosfera que havia relaxado se tornou tensa de novo. Não há razão para parar agora… Desde que se reuniram aqui hoje tem agendas apertadas… será um desperdício de uma oportunidade se não aproveitar esta chance.

“Sobre o banco que estávamos falando mais cedo, foi decidido que os impostos recolhidos da população serão usados para a manutenção das estradas do feudo. E também, há mais uma coisa. O estabelecimento de uma ‘academia.’”

“Academia…? Como aquela na Cidade Real?”

“Se é esse tipo de academia desvantajosa, não há necessidade de usar o dinheiro dos impostos para construir ela. O que eu gostaria de construir é uma academia que tem uma divisão primária que irá ensinar estudantes a ler e escrever, e uma divisão avançada que irá ensinar habilidades especializadas para os estudantes… Os impostos do feudo serão usados para isto porque eu pretendo passar uma lei fazendo da educação primária compulsória no nosso feudo. Atualmente, quero chamar a atenção de todos para a divisão avançada.”

“De que maneira?”

“Falando francamente, gostaria que vocês investissem nela. Apesar de dinheiro ser aceitável, materiais e equipamento também seriam bem vindos.”

“Não ficaria tudo bem usar o banco de que você falou mais cedo para financiar isto?”

“O banco depende dos fundos da Casa Ducal e os impostos do povo do feudo. Se o banco tiver que financiar algo tão extensivo, isto arruinaria o equilíbrio entre receitas e despesas, e resultará no colapso da administração bancária.”

“Há uma certa verdade nisto. Se esse é o caso, não seria melhor esperar até ter os fundos necessários para a academia?”

“Se possível, gostaria de construir a academia o mais cedo possível. Por que pessoas são importantes recursos do nosso feudo, seria uma vergonha se as deixássemos sozinhas e não poli-los.”

“…Hmmm. Qual é o conceito da academia?”

“Vou distribuir os documentos agora, por gentileza os vejam.”

Sebastian, que veio comigo, distribuiu os documentos para todos. Estes são documentos que levei as últimas semanas preparando. …Por causa disto, não tive muito tempo para dormir ultimamente.

“Em primeiro lugar, gostaria de estabelecer um departamento médico e farmacológico. Depois, departamentos de administração feudal e contabilidade.”

“Um departamento médico…?”

Os diretores dos conglomerados tinham expressões de surpresa nos seus rostos. Acho que é natural. Por que doutores neste mundo só são usados pela realeza e aristocracia, e por isso o conhecimento médico não é muito difundido.

Quanto ao valor de tal conhecimento… cada membro dos conglomerados consegue entender. Normalmente, para aprender tal conhecimento, é preciso pagar uma alta remuneração.

…Isto mesmo, “normalmente,” é o caso. Eu também queria contratar algumas dessas pessoas. Queria contratar duas ou três pessoas para a nossa Casa, no entanto, não sei onde a senhora minha mãe ouviu sobre isto, mas ela introduziu alguém para mim.

Aquela pessoa parecia estar bastante desocupado. Quer dizer, até recentemente, ela estava relaxando no interior. Então, aquela pessoa subitamente quis cultivar uma nova geração e veio até nós.

No meu caso, gostaria de tomar vantagem das conexões da senhora minha mãe para negociar com o doutor e para futuras negociações feitas pelo conglomerado no futuro sempre que possível.

Aproveitando, fazendeiros e acadêmicos irão atuar como instrutores no departamento de agricultura. Para aulas teóricas… e experiências práticas.

Com relação aos acadêmicos, novamente usei toda a influência e conexões do senhor meu pai e senhora minha mãe para juntá-los. Mais tarde, pretendo fazer de Rehme uma professora também.

 

xxxxxx

 

Capítulo gigante e difícil de traduzir, mas finalmente está aqui. Iris não apenas irá criar um sistema bancário, mas também um sistema educacional. Em cinquenta anos esse território ducal dela vai estar parecendo Florença no auge da Renascença, quer apostar quanto? No próximo capítulo, bem mais curto, a reunião com os diretores dos conglomerados e Guilda Comercial irá acabar. Vou tentar traduzir ele ainda hoje.

 

¹ Esse light novel às vezes comete este tipo de anacronismo involuntário nas falas de alguns personagens. Moneda, no capítulo 9, por exemplo, usa “como se tivesse caído uma bomba”. Como exatamente alguém nascido num mundo medieval usaria uma expressão que só passou a ser usada após a Segunda Guerra Mundial quando bombardeiros aéreos se tornaram comuns o bastante para “deixou cair uma bomba” virar gíria para um evento surpreendente e chocante?

² No Japão, usam-se “selos pessoais” em kanji em vez de assinaturas para garantir a autenticidade de uma transação bancária.

³ Registros familiares japoneses são uma mistura da nossa certidão de nascimento e CPFs. Basicamente são o que prova que você existe para o governo.

Navegue pela série<< A Sensatez da Filha do Duque: Capítulo 12       A Sensatez da Filha do Duque: Capítulo 14 >>

Sobre Nume Finório

João Paulo Francisconi, entre outras enormes perdas de tempo, é blogueiro há dez anos, escreveu para a finada Dragon Slayer, publicou alguns livros de RPG e assistiu quatro episódios de Punho de Ferro.