A Sensatez da Filha do Duque: Capítulo 3

A Vilã em Casa A residência do Duque de Armelia… Na nossa casa aqui na Cidade Real é onde o senhor meu pai, que não pode deixar a capital devido […]

A Vilã em Casa

A residência do Duque de Armelia… Na nossa casa aqui na Cidade Real é onde o senhor meu pai, que não pode deixar a capital devido a seu trabalho como Primeiro-ministro, e a senhora minha mãe, que gosta de ficar próxima a ele, vivem. E por causa disto, a casa é inesperadamente luxuosa. Julgando pelo conhecimento da minha vida passada, a casa é mais do que grande o suficiente para ser considerada uma mansão.

Ao entrar na casa, a primeira coisa que fiz foi ir para o meu quarto. E então sentei numa cadeira para acalmar meu coração. Afinal de contas, eu terei uma reunião cara-a-cara com o “Chefão Final.” Eu quero aliviar essa tensão.

“…Senhorita…!”

“…Oh, Tanya. Estou de volta.”

Tanya, minha criada¹, entrou no quarto às lágrimas. Apesar de ser uma plebeia, ela tem uma perfeita conduta e, ao mesmo tempo, é linda.

“Como você pode estar tão calma…! Eu estou tão contrariada e frustrada…”

Quando vejo ela em pedaços chorando, isto aquece meu coração. Mas ao mesmo tempo, me sinto apologética por causar nela preocupações imperdoáveis.

A plebeia, Tanya… é uma garota que peguei de um lugar conhecido genericamente como “a favela” quando fui incógnita para a cidade. Era um tempo quando eu sentia o peso de ter o título “filha de um Duque.” Não apenas em casa mas, mesmo no círculo aristocrático. Os outros sentiam dificuldade de falar comigo por causa da minha linhagem. Quando fui para a cidade, encontrei ela jogada na calçada. Pensando “talvez se for esta criança, ela pode ser minha parceira de conversação…” eu a trouxe para casa de maneira calculada. Ela, no entanto, desde então, se sentiu realmente agradecida e decidiu me servir muito, muito bem.

Se você me perguntar, não é um exagero dizer que Tanya é parte da minha família.

“Acalme-se, por favor, Tanya. Ainda não é a hora de se afundar em tristeza e lágrimas.”

“…É como você diz. Por gentileza, me perdoe. Quanto ao Mestre, parece-me que ele retornará no início da noite.”

Tanya tem uma boa cabeça. Além disso, ela também pode se ajustar a qualquer situação imediatamente. Agora me pergunto o que aconteceu com as lágrimas dela, ela já retomou sua compostura.

“…Entendo. Bem, então, você poderia me trazer algo para beber para que eu possa relaxar?”

“Como desejar.”

“…Tanya.”

“Sim?”

“…Obrigado.”

“Pode ser presunção minha, senhorita. Mas eu não sirvo a Casa Ducal de Armelia, mas sim a senhorita, é o que penso. Por isto, mesmo que ele seja parte da família real, eu nunca perdoarei Edward-sama que traiu a senhorita. Com relação ao seu encontro com o Mestre, eu permanecerei como aliada da senhorita para sempre.”

“Quão afortunada eu sou.”

“Não, eu é que sou. E também, não sou a única pessoa nesta casa que se sente dessa maneira, senhorita, então por favor não se esqueça disto.”

É verdade. De fato, além de Tanya, há outras crianças que recolhi das ruas. Eu era consideravelmente estranha na minha infância. Naquela época, em vez de receber presentes, eu pedia para recolher crianças que, como Tanya, não tinham parentes, e queria que essas crianças ficassem comigo… Isto era algo que implorei para meus pais fazerem.

É assustador que alimentar uma criança plebeia fosse mais barato que um presente. Meus pais relutantemente concordaram, e a cada ano, uma criança sem parentes da minha idade era recolhida das ruas. Isto não foi apresentado no cenário do jogo. Se tivesse sido afetada pelas memórias da minha vida passada mais cedo, nunca ficaria sabendo disto.

Quando eu falava com eles, era capaz de esquecer por um momento que era filha de um duque, e isto se tornou um tempo precioso para mim. No entanto, conforme os anos se passaram, a pressão ambiente expressava que não era apropriado não haver claras distinções entre nossas posições. Apesar das nossas relações serem parecidas com minha relação com Tanya ─ Mestre e Criada ─ eles são sem dúvida muito especiais para mim.

“…No entanto, Tanya. Por favor, coloque sua própria felicidade em primeiro lugar.”

Quando ela ouviu minhas palavras, Tanya teve uma expressão de dúvida em seu rosto. Não, na verdade, ela estava quase sem expressão… no entanto, tendo passado um longo tempo com ela, posso basicamente adivinhar o que ela está sentindo.

“Por causa da teimosia, eu acabei levando vocês para um mundo destituído. A qualquer momento, se qualquer um de vocês desejar, vocês podem ser livres disto tudo e não irei me opor. Ou melhor, quando penso sobre o que me espera no futuro, isto seria o melhor…”

“Senhorita, por favor, não diga mais nada além do que já foi dito.”

Inesperadamente, Tanya me interrompeu.

“Eu teria morrido naquele tempo. E foi a senhorita que me salvou daquela situação. Daquele momento em diante, minha vida pertenceu a você. O único jeito para que eu saia do seu lado é se esta minha vida acabar… ou quando você decidir que você não mais precisa de mim.”

“Bom. Se esse é o caso, eu suponho que você nunca vai me deixar a menos que você morra, Tanya.”

“Me pergunto se há uma felicidade maior.”

“…Eu entendo completamente como você se sente agora. Como pensei, realmente sou alguém muito afortunada. No entanto, Tanya, há mais de um jeito de ser feliz. Por isto não esqueça o que falei mais cedo.”

“…Se isso for o que a senhorita quiser.”

Apesar de relutante, Tanya acenou com a cabeça. …Como pensei, se isso acabar sendo a rota “presa pela Igreja e privada do seu status”, não quero que Tanya acabe do mesmo jeito. Pelo menos isto é necessário evitar.

No entanto, nas condições atuais, parece que ela vai me seguir de qualquer maneira… Haahhh~². Como pensei, tenho que tentar conseguir uma vantagem com o senhor meu pai.

Com nova determinação, bebi o chá que Tanya serviu. …Yup, está delicioso.

“…Senhorita.”

Quando a atmosfera no quarto se acalmou, uma criada diferente bateu na porta.

“Entre, por gentileza.”

“…Com licença.”

A pessoa que entrou é a chefe das criadas, Rimé. Vestindo um estiloso uniforme de criada sem uma falha, ela dá a impressão de profissionalidade.

“…Senhorita. O Mestre chamou por você.”

“Oh, já está na hora? Se não estou enganada, o senhor meu pai usualmente retorno no início da noite…”

“Por causa da situação da senhorita, ele parece ter retornado o mais cedo possível.”

“…Entendo…”

Fuu, soltei um suspiro. Ah, onde a promessa que fiz mais cedo foi parar… De algum jeito, parece que meu estômago está fazendo piruetas.

“Apesar de ser imprudente de mim, senhorita. Sobre a situação atual, eu acho que a senhorita não cometeu um único erro.”

Por causa da usualmente estrita Remé inesperadamente fez uma declaração de suporte, meus olhos cresceram com surpresa.

“Todos nesta mansão são seus aliados. Por isto, por favor reúna-se com Mestre de uma maneira dignificada.”

…Na história, Iris foi colocada como a vilã. Mas na realidade, ela construiu uma boa relação com todas as pessoas na casa. Naturalmente, não importando se ele eram nobres ou plebeus. …Em outras palavras, por causa de quão apaixonada ela estava por Edward, ela foi conduzida por ciúmes a desprezar a heroína, a filha do barão, e fez um hábito de caluniá-la.

Deixe-me dizer de novo, eu tenho simpatia por Iris… Ou melhor, isto não vai servir. Eu sou Iris agora. Mesmo que seja só por mim mesma, tenho que trazer felicidade para Iris.

Agora que me preparei o máximo possível, Rimé me levou até o estúdio do senhor meu pai. E atrás de mim estava Tanya que veio junto.

“…Então, senhorita.”

“Sim, obrigada, Rimé. E Tanya, por favor espere por mim aqui.”

“Como quiser.”

Finalmente, cheguei ao campo de batalha.

Parada em frente à porta massiva, engoli minha saliva e respirei fundo… e então bati na porta.

 

xxxxxxxxx

 

Para uma “vilã”, a Iris pré-lembranças da vida passada já era extremamente boazinha, não é mesmo? Próximo capítulo deve chegar durante o final da tarde e início da noite.

 

¹ Criada é a tradução que encontrei para “maid”. Maids são empregadas domésticas com uniformes num estilo vitoriano que os japoneses acham a coisa mais fofa do mundo e são super populares. Se você algum dia visitar o Japão, não deixe de visitar um Maid Café que eles tem por lá.

² Isto é um suspiro-gritinho de insatisfação que Iris faz bastante ao longo da história.

Navegue pela série<< A Sensatez da Filha do Duque: Capítulo 2       A Sensatez da Filha do Duque: Capítulo 4 >>

Sobre Nume Finório

João Paulo Francisconi, entre outras enormes perdas de tempo, é blogueiro há dez anos, escreveu para a finada Dragon Slayer, publicou alguns livros de RPG e assistiu quatro episódios de Punho de Ferro.