Demônios da Torre Negra

Eu não miro com a mão; Aquele que mira com a mão esqueceu o rosto do pai. Miro com o olho. Eu não atiro com a mão; Aquele que atira […]

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Eu não miro com a mão;
Aquele que mira com a mão esqueceu o rosto do pai.
Miro com o olho.
Eu não atiro com a mão;
Aquele que atira com a mão esqueceu o rosto do pai.
Atiro com a mente.
Eu não mato com a arma;
Aquele que mata com a arma esqueceu o rosto do pai.
Mato com o coração.

A Torre Negra é a magnum opus do escritor de terror Stephen King: uma obra que reúne a maior parte dos seus livros em um único universo, e ao mesmo tempo uma grande saga épica que perpassa sete livros e diversos mundos e tempos. Tem lá os seus problemas, é claro, mas não há como não se impressionar com a sua grandiosidade e vivacidade dos seus personagens. O seu mundo reúne temas arturianos com cenários desolados, e só pode ser descrito como uma espécie de faroeste fantástico pós-apocalíptico.

Opa, faroeste? Recentemente tivemos um jogo do gênero publicado por aqui, não? Sim, Dust Devils, que recria o ambiente dos filmes clássicos com baralho, fichas e regras inspiradas pelo pôquer. E, não surpreendentemente, ele é ótimo também para jogar no Mundo-Médio e demais mundos dos andares da Torre: os livros usam diversos tropos e elementos de faroeste, mesmo quando a ação se passa nos dias de hoje; há tiroteios e andarilhos solitários; e mesmo o Demônio que é tão característico no jogo é perfeito para emular os sentimentos ambíguos que movem os personagens na sua busca pela Torre.

Para jogar no mundo da Torre Negra, enfim, recomendo que, além da caixa básica de Dust Devils, você tenha pelo menos lido toda série (ok, pelo menos os quatro primeiros livros, que são os mais legais…). As diversas séries em quadrinhos da Marvel Comics também são interessantes, principalmente pelos apêndices que explicam elementos diversos da história do mundo.

dark+tower+crimson+kingEm Busca da Torre Negra
O Mundo-Médio é um mundo que seguiu adiante. Desde a queda de Gilead, a última das grandes nações humanas, toda a esperança se esvaiu; não há mais grandes cidades ou países, apenas vilas e ruínas espalhadas pelos seus eixos. E no centro de tudo, a Torre Negra, apontando para o céu como um dedo acusador, com seus mistérios e segredos a serem descobertos.

Se aventurar no Mundo-Médio é viajar pela desolação. Um mundo após o apocalipse, onde há poucas riquezas e bens a serem conquistados. Uma folha de papel pode ser mais valiosa do que uma barra de ouro, e a munição não pode ser desperdiçada levianamente, pois você nunca sabe quando será capaz de recuperá-la.

Mas, é claro, existem outros mundos além deste. O Mundo-Médio não é o único, mas apenas um entre os diversos que ocupam os andares da Torre. Em um deles podemos estar ainda aqui, em 2013, ou 1999, ou 1978; em outro, talvez estejamos ainda antes, na Idade Antiga ou Idade Média, ou quem sabe no futuro distante, antes de Gilead ser destruída. Pois este é, talvez, o verdadeiro mistério sobre a Torre: ela é, ao mesmo tempo, a estrutura que liga todos os mundos, e onde todos eles são localizados. Um ato tão simples quanto atravessar uma porta pode ser o suficiente para levá-lo de um para outro.

Em todos os mundos, no entanto, o Rei Rubro está à espreita. Uma entidade multi-dimensional, que tem como objetivo de derrubar a Torre Negra e assim cessar toda a existência; seus agentes monstruosos – alguns fisicamente, outros no seu espírito – estão espalhados pelas diversas realidades, trazendo caos e discórdia a todas as nações e tempos.

Quem será o herói que poderá afinal derrotá-lo, e descobrir o segredo que se esconde no último andar da Torre?


rolandPersonagens

Roland Deschain

Punhos 5
Visão 2
Culhão 3
Coração 3

Traços: pouca imaginação.
Rápido como um raio.

No passado, foi um aprendiz de pistoleiro e herdeiro do trono de Gilead.
No presente, é o último pistoleiro da Afiliação.

Demônio: obsessão pela Torre. Para Roland nada mais importa exceto chegar à Torre Negra.

Eddie Dean

Punhos 3
Visão 4
Culhão 3
Coração 3

Traços: esperto como uma lebre.
Fala mansa.

No passado, foi um viciado em heroína.
Mas no presente, é um pistoleiro do Ka-tet de Roland.

Demônio: baixa auto-estima. Dean tem um problema sério em confiar em si mesmo e nas suas capacidades, mesmo depois de largar as drogas.

Susannah Dean

Punhos 4
Visão 3
Culhão 3
Coração 3

Traços: corajosa.
Educação de alto nível.

No passado, foi a herdeira de um império da indústria odontológica.
Mas no presente, é uma pistoleira do Ka-tet de Roland.

Demônio: dupla personalidade. Susannah possui uma segunda personalidade reprimida, muito mais cruel e sanguinária que ela.

Jake Chambers

Punhos 2
Visão 3
Culhão 3
Coração 5

Traços: silencioso e reservado.
O Toque: uma forma menor de telepatia, melhor descrita como empatia.

No passado, foi um estudante de escola secundária.
Mas no presente, é um pistoleiro do Ka-tet de Roland.

Demônio: paradoxo. Jake não devia estar vivo. Ele morreu ao ser empurrado na frente de um carro por um desconhecido, e só foi salvo devido às ações de Roland em um tempo passado que alterou a história. Jake possui consciência disso, e esse conhecimento aos poucos o está deixando louco.

O Homem de Preto

Punhos 3
Visão 5
Culhão 3
Coração 2

Traços: charmoso como uma cobra.
Coração puro – de maldade.

No passado, foi um filho de um moleiro no reino de Delain.
No presente, é um agente do Rei Rubro.

Demônio: fome de poder. Principal agente do Rei Rubro, isso não impede que ele possua seus próprios planos, e deseje obter para si o poder de um deus.

Dark Tower 2

Sobre BURP

Buenas, sou Bruno Schlatter, conhecido por alguns como BURP. Sou gremista, gaúcho, professor de História, RPGista, HQéfilo, gamemaníaco, anarquista desencantado, guitarrista frustrado, blueseiro apaixonado, leitor obsessivo, pseudo-escritor amador e outras coisas menos interessantes.