Participe do financiamento coletivo de Cosa Nostra!

Vocês talvez tenham ouvido falar no projeto Cosa Nostra, do Estúdio V. Afinal, nós falamos extensivamente sobre ele aqui no RPGista, até porque o autor do jogo, o João Paulo […]

Vocês talvez tenham ouvido falar no projeto Cosa Nostra, do Estúdio V. Afinal, nós falamos extensivamente sobre ele aqui no RPGista, até porque o autor do jogo, o João Paulo “Nume” Francisconi, já fez parte do site por muitos anos.

Mas o que é o Cosa Nostra? Vou deixar os autores explicarem (kender preguiçoso):

Cosa Nostra é um RPG narrativo sobre a Máfia. Neste jogo você vai encontrar um sistema de jogo dedicado a fazer com que os jogadores criem uma memorável história de ambição, violência e glamour nos anos da Lei Seca nos Estados Unidos. E, para garantir uma máxima experiência de jogo, Cosa Nostra também funciona como uma pequena enciclopédia mafiosa daquela época, informando ao leitor detalhes como hierarquia da Cosa Nostra, estilo de vida dos anos 1920 para pobres e ricos (e soldados e líderes da máfia), além de crimes, táticas, armas e veículos usados pela Máfia e muito mais.

O livro básico a ser lançado com a meta inicial terá 32 páginas e também trará uma história em quadrinhos original com roteiro de Raphael Fernandes e arte de Leonel Domingos, além de descrições para duas cidades clássicas para o crime organizado dos EUA: Chicago e Nova Iorque!

O jogo está buscando financiamento através do site de crowdfunding Catarse.me. Lá, você pode contribuir com uma certa quantia, e se a meta de financiamento for atingida, o dinheiro é repassado aos produtores do projeto para que ele seja realizado. Se o projeto falhar, você recebe o dinheiro de volta. Uma das coisas mais legais no Catarse é o fato dele aceitar outras formas de pagamentos além do cartão de crédito. Por exemplo, eu já ajudei vários projetos, e em todos eu usei o método de pagamento “boleto bancário”, que posso pagar em qualquer casa lotérica como um bom velho gordo careca que sou.

Então, o que estão esperando? A desculpa do cartão de crédito não funciona. Eles têm recompensas muito loucas para quem colaborar com valores mais altos, como chapéus fedora, conjuntos de dados e muito mais. E se vocês curtirem a página do Cosa Nostra RPG no Facebook, a gente pode ter um livro final com muito mais material, uma vez que eles têm metas de divulgação para acréscimo de conteúdo no livro!

http://catarse.me/pt/CosaNostraRPG

Sobre Álvaro "Jamil" Freitas

Jamil, o único kender de Arton (druida 11, Neutro), descobriu que tinha um alter ego humano em outro plano de existência, chamado Álvaro Freitas (ranger 3/ladino 4/bardo 5, Neutro e Bom). Eles volta e meia aparecem como convidados especiais em crossovers.