Cosa Nostra vem aí

E um RPG nacional que temos esperado já há algum tempo está cada vez mais próximo de seu lançamento! Cosa Nostra, jogo narrativista do João Paulo Francisconi aka “Nume Finório“, […]

E um RPG nacional que temos esperado já há algum tempo está cada vez mais próximo de seu lançamento! Cosa Nostra, jogo narrativista do João Paulo Francisconi aka “Nume Finório“, já passou por um período de playtest aberto (que comentamos aqui no RPGista). Agora ele está dando seus últimos passos para iniciar a publicação.

Num twist meio inesperado, parece que o Estúdio V vai fazer uso de uma campanha de financiamento colaborativo para realizar a publicação do livro. Lá no blogue Ilha do Nume, eles estão pedindo comentários nas opções de recompensas para os colaboradores no projeto. Eu já dei as minhas, e vocês podiam passar lá e fazer o mesmo!

Cosa Nostra se propõe a ser um RPG narrativista – isto é, com foco na criação de cenas e histórias colaborativas – baseado nas ambientações da máfia dos anos 30 nos Estados Unidos. Os jogadores controlam uma organização criminosa e criam histórias sobre ambição, violência e glamour.

Se você quiser conferir a versão playtest, é só visitar o site da RetroStore e baixar o PDF de teste gratuitamente.

Sobre Álvaro "Jamil" Freitas

Jamil, o único kender de Arton (druida 11, Neutro), descobriu que tinha um alter ego humano em outro plano de existência, chamado Álvaro Freitas (ranger 3/ladino 4/bardo 5, Neutro e Bom). Eles volta e meia aparecem como convidados especiais em crossovers.