Lichs e dracolichs, e tem o Tarso também

Adaptar os lichs não era uma prioridade até ter que fazer a ficha de Tarso, o Dracolich-Rei, a pedido do Rogério Saladino. A verdade é que usando as regras normais apresentadas no Manual de Criação de Monstros o personagem mais poderoso de Arton depois dos deuses maiores seria estupidamente fraco em sua versão para Tormenta RPG quando comparada com a do antigo D&D 3ª edição.

Então não tive opção além de pegar meu Livro dos Monstros de D&D 3.5 e adaptar o modelo lich para as regras de Tormenta RPG. Como nunca vi o modelo Dracolich, a versão apresentada aqui é baseada nas minhas observações da ficha do Tarso para D&D. Aceito sugestões de melhora para ambos os modelos. A ficha do Tarso está no final do artigo. Apelão.

Lich

Morto-Vivo: o tipo da criatura-base muda para Morto-Vivo, recebendo as características deste tipo definidas no Manual de Criação de Monstros. A criatura-base mantêm o bônus base de ataque, perícias e talentos que possuía antes de adquirir o modelo.

Imortalidade: um lich destruído retorna depois de 1d4 dias. Ele perde esta habilidade caso sua filactéria seja destruída, e só poderá recuperá-la caso recrie essa filactéria.

Pontos de Vida: não importando a que classe pertença, um lich sempre ganha 6 pontos de vida por nível.

Classe de Armadura: um lich recebe um bônus de +5 na CA.

Dano: um lich adiciona 1d6 de dano por energia negativa a todos os seus ataques corpo-a-corpo.

Ataques Especiais: um lich recebe os seguintes ataques especiais com CD para testes de resistência iguais a 10 + metade do nível + modificador de Carisma.

  • Aura de Medo: qualquer criatura a até 18m do lich é afetada por um efeito idêntico ao da magia medo.
  • Toque Paralisante: qualquer criatura tocada por um lich ficará paralisada permanentemente se falhar em um teste de Fortitude. A paralisia pode ser removida com remover paralisia ou qualquer efeito capaz de remover maldições. Qualquer indivíduo paralisado parecerá morto, mas um teste de Percepção (CD 20) ou Cura (CD 15) revelará que a vítima ainda está viva.

Qualidades Especiais: um lich recebe as seguintes qualidades especiais.

  • Resistência a Expulsão: um lich recebe +4 em testes de resistência contra expulsão (do talento Expulsar/Fascinar Mortos-Vivos).
  • Redução de Dano: um lich recebe redução de dano 15/contusão e magia.
  • Imunidades: lichs são imunes a frio, eletricidade, metamorfose (exceto quando desejam receber o efeito) e efeitos de ação mental.

Habilidades: um lich recebe +2 em Inteligência, Sabedoria e Carisma.

Perícias: um lich recebe +8 em Furtividade, Intuição e Percepção.

Nível de Desafio: +2.

Dracolich

Um dracolich obtêm todas as características do modelo lich além das seguintes.

Sopro: a criatura-base recebe um sopro de energia negativa que causa a perda de um nível nas criaturas atingidas para cada quatro níveis da criatura-base. Um teste de Reflexos (CD 10 + metade do nível + modificador de Constituição) reduz a perda de níveis para a metade. Um dia depois o alvo pode fazer um teste de Fortitude (CD 10 + metade do nível + modificador de Constituição) para cada nível negativo; um teste bem-sucedido elimina um nível negativo, uma falha transforma o nível negativo na perda de um nível permanente.

Afinidade com Trevas: a criatura-base se torna imune a dreno de energia e efeitos similares que envolvam energia negativa, e a veneno mágico ou normal. Ele também recebe o talento Fascinar Mortos-Vivos sem precisar atender aos pré-requisitos e sem limite de utilizações por dia.

Nível de Desafio: +6.

Tarso, Dragão-Rei dos Dracolich

O histórico de Tarso pode ser encontrado na página 126 de Holy Avenger d20.

Tarso: Lich, Monstro (Morto-Vivo – Colossal Comprido) 43/Mago 20; ND 50; tendência N; 402 PV, 90 PM (mago) mais 220 PM (dragão); Deslocamento 18m, vôo 45m, natação 12m; CA 79 (+2 destreza, +31 nível, +44 natural, -8 tamanho), desprevenido 75; Ataques: mordida +58 (dano 4d8+46 mais 1d6 por energia negativa, crit. 19-20) e 2 garras +58 (dano 4d6+46 mais 1d6 por energia negativa); Ataques Especiais: sopro, magias, presença aterradora, toque paralisante, aura de medo; Qualidades Especiais: afinidade com trevas, imortalidade, resistência a expulsão, redução de dano 30/épica, imunidades de dracolich, percepção às cegas 120m; Fort. +33, Refl. +35, Vont. +48; For 40, Des 14, Con -, Int 45, Sab 36, Car 40.

Perícias e Talentos: Atuação +51, Atletismo +51, Conhecimento (arcano) +83, Conhecimento (engenharia) +83, Conhecimento (geografia) +83, Conhecimento (história) +83, Conhecimento (natureza) +83, Conhecimento (religião) +83, Diplomacia +81, Enganação +81, Furtividade +68, Identificar Magia +83, Iniciativa +68, Intimidar +81, Intuição +79, Ofícios (alquimia) +83, Ofícios (literatura) +83, Ofícios (alvenaria) +83, Ofícios (joalheria) +83, Ofícios (metalurgia) +83, Percepção +79. Acerto Crítico Aprimorado (mordida), Acerto Crítico Aprimorado (garras), Acelerar Magia, Ataque Poderoso, Derrubar Aprimorado, Especialização em Combate, Estender Magia, Foco em Arma (mordida), Foco em Arma (garras), Fortitude Maior, Iniciativa Aprimorada, Magia sem Gestos, Magia Silenciosa, Mago de Batalha, Magias em Combate, Maximizar Magia, Poder Mágico (cinco vezes – mago), Poder Mágico (doze vezes – dragão), Prontidão, Reflexos de Combate, Reflexos Rápidos, Trespassar, Vontade de Ferro, Usar Armas (simples).

Magias: Tarso pode lançar magias arcanas e divinas de até 9º nível, sua habilidade-chave para lançar magias é Carisma e ele não precisa preparar suas magias com antecedência.

Magias Conhecidas (dragão): Truques: brilhodetectar magialer magiasluzmãos mágicasmarca arcanamensagempasmartoque da fadiga, raio de ácido; 1º nível: alarmeapagaraumentar pessoacompreender idiomasdetectar mortos-vivosescudo arcanoidentificaçãotoque macabromísseis mágicosraio do enfraquecimentoreduzir pessoa; 2º nível: crânio voador de Vladislavcomandar mortos-vivosforça do tourotoque do carniçalraio ardentetoque da idiotice; 3º nível: dissipar magiaimobilizar mortos-vivosraio da exaustãotoque vampíricovelocidade; 4º nível: assassino fantasmagóricodrenar temporáriocriar mortos-vivos menorrogar maldiçãopraga; 5º nível: onda de fadigapesadeloteletransporteviagem planarremover encantamentos; 6º nível: dissipar magia maiorcriar mortos-vivosdesintegrarsímbolo do medo; 7º nível: controlar mortos-vivosdesejo restritoonda de exaustãodedo da morte; 8º nível: aprisionar a almacriar mortos-vivos maiorsímbolo da mortevazio; 9º nível: drenar energiadesejoencarnação fantasmagóricagrito da bansheesombras;

Magias Conhecidas (mago): Tarso possui outras cinqüenta e oito magias conhecidas como mago, prefira magias que ele já não possa lançar como dragão. Sim, estou deixando esse trabalho para você. Deixe de ser preguiçoso. Ou melhor, me deixe ser preguiçoso só dessa vez, por favor.

Presença Aterradora: a mera visão do Dracolich-Rei amedronta o mais valente dos aventureiros. Qualquer criatura a até 150m de Tarso deve ser bem sucedido em um teste de Vontade (CD 56). Em caso de falha, fica apavorada (se tiver 5 níveis ou menos) ou assustada (se tiver 6 níveis ou mais) por 1 minuto. Uma criatura bem-sucedida no teste fica imune a esta habilidade por um dia. Esta habilidade é para a forma “reduzida” de Tarso. Em sua forma real (cerca de 650m de comprimento) o teste é o mesmo, mas criaturas com 5 níveis ou menos morrem em caso de falha (se passarem, ainda estão apavoradas) e aqueles com 6 níveis ou mais ficam apavoradas automaticamente, fazendo o teste para determinar se ficam neste estado durante 1 minuto ou um dia.

Sopro: como uma ação padrão, Tarso pode cuspir energia negativa como um cone de 21m. Todas as criaturas na área sofrem 16 níveis negativos. Um teste de Reflexos (CD 41) reduz os níveis perdidos a metade. Tarso possui um segundo sopro de ácido que pode usar também como uma ação padrão e cone de 21m. Todas as criaturas na área sofrem 28d              6 de dano por ácido. Um teste de Reflexos (CD 41) reduz o dano a metade.

Escuridão (M): Tarso pode conjurar escuridão livremente, sem gastar pontos de magia.

Tesouro: incalculável. E ele pode trocar tudo por sorvete de baunilha com maracujá e brigadeiro a qualquer momento.

A imagem que ilustra esta matéria foi gentilmente cedida por Marcelo Cassaro.

Sobre Nume Finório

João Paulo Francisconi, entre outras enormes perdas de tempo, é blogueiro há dez anos, escreveu para a finada Dragon Slayer, publicou alguns livros de RPG e assistiu quatro episódios de Punho de Ferro.