Bastidores do Tormenta RPG: Ilustrações das Raças

Em seus comentários no primeiro post desta série, o usuário Taegos perguntou sobre o tratamento visual do livro básico.

Não se enganem, haverá muitas ilustrações repetidas. O custo para ilustrar um livro por completo é alto demais, e Tormenta tem um acervo muito grande de boas imagens para ignorar.

Mas isso não quer dizer que tudo precise ser reciclado. E a Jambô, viva, autorizou orçamento para bastante material novo.

Todas as ilustrações foram encomendadas a Erica Horita. Para quem não conhece, ela é desenhista da HQ de fantasia Ethora e ilustrou muitos livros Tormenta D20, como o Guia do Jogador (todas as raças e classes de prestígio), Guia do Mestre e Área de Tormenta (aberturas de capítulo de classes de prestígio).

Ela vai desenhar todas as raças e classes do novo livro básico.

Se nada sair errado (é chato, mas as coisas às vezes saem erradas…), ela deve enviar os primeiros rascunhos neste final de semana. Então, como não tenho ainda nada para mostrar, vou postar aqui as instruções que ela recebeu.

Como a Horita desenha fantasia medieval, e já trabalhou com Tormenta, não precisei mandar instruções detalhadas e quase nenhuma referência. E conhecendo seu traço, também prefiro que ela tenha alguma liberdade para inventar.

Ilustrações

Estou mandando aqui as descrições dos desenhos que eu falei outro dia.

Este primeiro grupo tem oito desenhos. Cada um representa uma raça de Tormenta. No novo livro as raças principais vão mudar, por isso desta vez não tem centauro, elfo-do-mar, mulher-cobra…

Todos precisam estar de pé, como que posando pra foto. Elas vão sair separadas e grandes, mas depois também vamos montar todas juntas para mostrar a altura relativa. Estou mandando uma referência de como deve ficar essa versão conjunta. (Mandei uma página do Pathfinder Beta, onde aparecem as raças lado a lado.)

Neste grupo todos os personagens precisam estar com trajes sumários, para que se consiga ver bem a anatomia. Não precisa ser necessariamente roupa de baixo como está na referência, veja se consegue pensar em “traje de banho” de fantasia medieval, ou então algo bárbaro ou indígena.

São eles:

Anão: De todos, ele será o mais coberto. Mesmo de roupa sumária ele usa alguma coisa metálica, como placas de metal pendendo da cintura (ou uma daquelas armaduras de Cavaleiros, que praticamente mostram tudo). Ele mede 1,20m.

Elfo: Nada muito estranho aqui, só precisa ser um elfo bishonen de olhar afetado.

Goblin: É aquele que você fez como baloeiro nas outras vezes. Mede 1m. Eles são encardidos, veja se pode dar um toque engraçado – como ele ter uma barata na cabeça, ou estar prestes a comer uma barata…

Halfling: Mede 1m. Faça menina, pra variar. Ela pode estar comendo alguma coisa ou fumando cachimbo.

Humano: Mulher humana bonitona.

Lefou: São os meio-demônios da Tormenta, você já fez uma ilustração deles. Parecem gente, mas com baixo carisma e alguma deformação. Aqui pode ser um carinha com olhar sinistro e, como estará seminu, pequenos pedaços de carapaça nos ombros, peito e/ou antebraços.

Meio-Gênio: É uma raça nova. Só apareceram uma vez, estou mandando a ilustração em anexo. São iguais aos humanos, mas têm uma grande tatuagem mística em algum lugar do corpo. Faça uma mulher vestida de odalisca (então o problema dos trajes sumários está resolvido). Eles também são prestativos, então ela estará sorrindo bem-humorada.

Minotauro: Veja se pode fazê-lo não muito peludo, com um ar orgulhoso, nobre, superior. Os minos de Tormenta têm cultura greco-romana, então ele pode estar usando uma toga curta, ou tanga de gladiador. Ele mede 1,90m.

Ela também recebeu instruções para as classes, claro. Mas isso fica para outro post.

Torçam como estou torcendo.

Sobre Marcelo Cassaro

Roteirista, desenhista, RPGista.