Tormenta 4e: Raças de Personagem III – Eladrins

Conforme prometido, aí vai a minha visão sobre como encaixar os Eladrins, raça básica do Dungeons & Dragons 4ª Edição, no cenário de Tormenta.

Eladrins

Uma raça fabricada pelas mágicas e temíveis fadas que compõem a corte de Pondsmânia, os Eladrin foram originalmente criados à partir de crianças elfas raptadas. Elas foram adotadas pelos membros das cinco casas nobres e criadas como se fossem filhos daquelas fadas. É claro, à medida que as crianças iam crescendo, diversos rituais mágicos eram feitos com elas, para torná-las mais aptas com a magia, mais parecidas com seus “pais”.

Com o passar das gerações e a influência mágica do reino, as modificações feitas aos elfos já estavam tão entranhadas, que as novas gerações já haviam incorporado os aspectos novos, perdendo os traços de sua raça originária. Hoje em dia pode-se dizer que os Eladrins são uma raça à parte dos elfos, capazes de procriarem-se entre si e gerar novos eladrins (mas apenas se ambos os pais forem Eladrins).

Dentro de Pondsmânia eles comumente estão ocupados servindo suas famílias nobres nos joguinhos de politicagem tão comuns à corte local. Fora de lá eles comumente servem de embaixadores, enviados e espiões das casas nobres ou da própria rainha Thanthalla-Dhaedelin, encarregados de lidarem com os assuntos que envolvam o mundo exterior.

Recentemente o número de Eladrins vagando por Arton aumentou. Isso pode ser tanto decorrente de algum jogo político das fadas, quanto da curiosidade dos próprios Eladrins em ver o mundo que existe fora de Pondsmânia. Eles são mais comuns nos reinos vizinhos de Sambúrdia e Trebuck, mas estranhamente todos eles sentem-se atraídos por lugares mágicos como Vectora e Wylla – o que sugere que em breve pode ser que a cidade de Vectorius e o reino da magia tornem-se os locais mais comuns para se encontrar um Eladrin. Não que faça esta diferença toda, a maioria deles ainda é confundido com um elfo por quase toda a população de Arton.

– – –

É isso aí. O próximo é o Tiefling.

Sobre CF

Carlos Frederico "CF" é formado em Publicidade e atualmente estuda Direito sob a alegação de que cansou de ser advogado de regras e agora quer virar juiz. Ele já escreveu umas coisas por aí para revistas, livros e sites de RPG.